Domingo, 18 de Agosto de 2019

facebook_icon

Hoje: Máx 27Cº / Min 18°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Samu de Pomerode participa de simulado em Indaial

Cinco integrantes estão participando da ação promovida pelo exército em parceria com Bombeiros, Polícia Militar e Defesa Civil

b4b34f9152912818f131eedf2b853824.jpeg Foto: Divulgação

Santa Catarina está sendo palco para o 3º Exercício de Ajuda Humanitária do Exército Brasileiro. O Treinamento é uma iniciativa do Exército Brasileiro e conta com a participação do Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Militar, Serviço Móvel de Urgência (SAMU), Polícia Civil e defesas civis de Santa Catarina e municipais. As atividades ocorrem entre os dias 5 a 8 de agosto, nas cidades de Blumenau, Taió e Indaial, no Vale do Itajaí. O objetivo é preparar as agências de resposta para atuarem em situações de desastres naturais.

A Base de Operações será no 23º Batalhão de Infantaria (Blumenau) e outras duas bases estão montadas nos municípios de Taió e Indaial. Embora seja um exercício simulado, as situações são reais para os profissionais envolvidos, os cenários foram preparados simulando resgates, transporte de vítima, transposição de áreas alagadas, dentre outras cenas que podem acontecer em uma tragédia real.

Durante os dias de treinamento ocorrerá grande circulação de viaturas e tropas na região. É importante destacar para a população que os cenários criados com ocorrências e figurantes são fictícios e a movimentação será apenas em função do Simulado de Ajuda Humanitária.

Os atendimentos dos órgãos de emergência, durante os dias do treinamento, não serão afetados, funcionando normalmente através dos telefones de cada instituição.

E, um efetivo do Samu Pomerode está participando deste simulado realizado nesta semana. Com um veículo preparado e equipado para ocasiões de desastres e contando com cinco integrantes, se juntaram com outras equipes do Samu de cidades participantes do treinamento.

De acordo com Anderson Glemboski, socorrista do Samu Pomerode, ações como esta agregam e difundem uma melhor preparação ao efetivo.

“Esses simulados são de suma importância a todos os serviços governamentais e não governamentais para que em situações de desastres naturais, seja ele qual for, a resposta seja rápida e eficaz, não deixando a população vulnerável a outras consequências. Sendo assim integrando e qualificando todos os envolvidos”, relata.

 

Quer receber as notícias de Pomerode e região pelo WhatsApp? Clique aqui.



Galeria de fotos: 1 fotos
Créditos: Divulgação
Veja também: