Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019

facebook_icon

Hoje: Máx 20Cº / Min 16°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

“Minha casa sempre tem tomilho... além de cebola e alho

Vencedora do principal reality show de gastronomia amadora do Brasil, Maria Antonia Russi despertou sua paixão pela culinária acompanhando seus pais no restaurante da família

cbc47725000d7dcc85f895a2d91a7d38.jpg Foto: Tatiane Hansen / Jornal de Pomerode

Vencedora do principal reality show de gastronomia amadora do Brasil, Maria Antonia Russi despertou sua paixão pela culinária acompanhando seus pais no restaurante da família. 

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/29f51f06e48d9e702fd26857397d83d9.jpg

 

Ela também atua como Sommelière, sugerindo harmonizações em suas receitas. Como empresária, atua no negócio que leva seu nome, onde oferece gastronomia personalizada para eventos exclusivos, além de prestar serviços de consultoria, palestras, aula-show e cardápios personalizados.

Casada, Maria Antonia é gaúcha e mãe de um filho de sete anos.

Sobre a participação no programa.
Era super fã do programa, assistia sempre, e um dia meu marido disse ‘por que não?’. Então pensei, vamos tentar. E começou como uma brincadeira, não imaginava que chegaria onde cheguei. Acho que isso foi o principal, não ter a pretensão de ganhar.

Qual o maior desafio no masterchef?
Eu acho que a convivência com as pessoas que a gente não conhece, é uma parte difícil. Relacionamento durante muitas horas, com pessoas que não são suas amigas, e sim competidoras, que estão ali tentando ganhar. Essa é pior parte para mim.

Qual foi o maior aprendizado?
Resiliência, porque todo o dia você precisa se reinventar, é um dia de cada vez. Às vezes você bate cabeça e daí precisa voltar. Esse “se reinventar” foi muito importante.

Depois do Masterchef, o que mudou na sua vida?
Mudou muito, porque apesar de ter o título de sommelier e juíza de vinhos, eu não exercia a função de chefe, brincava muito com isso, mas não era remunerada. A parte do masterclass, de contato com o público é o que mais gosto.

Cor favorita
Azul.

Um livro
Rebecca.

Uma viagem
Milão.

Uma comida
Massas, todos os tipos.

Time de futebol
Grêmio.

Um sonho
Gostaria de dar aula para pessoas carentes, tornar isso uma profissão.

Comida que gostaria de aprender a fazer
Comida asiática, que é bem diferente.

Um vinho
Sou apaixonada por Los Pinos.

Um conselho
Nunca desistir.



Veja também: