Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020

facebook_icon

Hoje: Máx 33Cº / Min 23°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Mutirão de Ultrassonografia Simples tem índice de 16% de faltas

Dos 982 agendamentos feitos, 158 pessoas faltaram ao exame. Ao todo, foram 824 pessoas atendidas pelo Mutirão

2fcf1f97cc88fa22fffe585400f39e25.jpg Foto: Africa Studio / Shutterstock

Foi finalizado no dia 06 de dezembro o Mutirão de Exames de Ultrassom Simples, iniciado em 25 de novembro. Para a realização deste Mutirão a Secretaria de Saúde de Pomerode analisou as filas dos exames de Média e Alta Complexidade, constatando uma extensa relação de usuários que aguardavam pelos exames de USG, com espera de até nove meses. Portanto, foi elaborada uma lista de 1045 pacientes, que seriam acionados para fazer o exame.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/906dd0914713bf0c60baa626ec8a4857.jpg

 

Após contato e alguns cancelamentos, 982 pessoas tiveram seu exame agendado, porém, destas, 158 faltaram, gerando um índice de absenteísmo de cerca de 16%. O Mutirão atendeu, portanto, 824 pessoas, realizando 1054 exames, nos 10 dias em que foi realizado.

A secretária de Saúde de Pomerode, Lígia Hoepfner, afirma que as faltas prejudicam a eficiência do serviço prestado. “O único aspecto negativo, que infelizmente precisamos ressaltar, é a falta em alguns agendamentos, o que prejudica outros usuários e gera um custo desnecessário ao Município, a exemplo no que acontece diariamente nas Unidades de Saúdes, nas consultas médicas e odontológicas”, pondera.

Porém, a secretária também destaca que a realização dos mutirões contribui para a diminuição das filas de espera. “A sistemática de mutirões é de suma importância para que as filas hoje existentes sejam minimizadas. Duas ações neste sentido foram realizadas recentemente e avaliadas positivamente por nossa equipe. Dentro do possível, seguindo um planejamento técnico e multissetorial da nossa secretaria, serão efetuados novos mutirões”, garante Lígia.

O exame é um método de diagnóstico por imagem, que detecta doenças e/ou variações anatômicas com base na forma, tamanho e textura das estruturas (órgãos) avaliadas; e também serve de acompanhamento da saúde do bebê e da mãe durante a gestação. 

 

Quer ser o primeiro a receber as notícias de Pomerode e região pelo WhatsApp? Clique aqui.



Tags:
Veja também: