Sábado, 22 de Fevereiro de 2020

facebook_icon

Hoje: Máx Cº / Min °C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Governo divulga calendário de pagamento do Bolsa Família para 2020

Em janeiro, o pagamento inicia no dia 20, para as famílias cujo Número de Identificação Social (NIS) termina em 1.

6fe6365148b2c41e6b1eef17b7d9d1e9.jpg Foto: Divulgação

O governo divulgou o calendário do Bolsa Família para todos os meses deste ano. Em janeiro, o pagamento inicia no dia 20, para as famílias cujo Número de Identificação Social (NIS) termina em 1, impresso no cartão do programa.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/906dd0914713bf0c60baa626ec8a4857.jpg

 

Quem tem cartão com final 2, pode sacar o benefício no segundo dia de pagamento, e assim por diante, até o dia 31. Em fevereiro, os primeiros pagamentos serão feitos no dia 12 e seguem até o 28 de fevereiro. O calendário completo pode ser conferido abaixo:

 

 

Criado em 2003 como programa de distribuição de renda, o Bolsa Família atende a famílias em situação de extrema pobreza, com renda mensal de até R$ 89,00 por pessoa, e de pobreza, com renda mensal entre R$ 89,01 e R$ 178,00. No caso das famílias pobres, têm acesso ao benefício aquelas com gestantes e crianças e adolescentes entre 0 e 17 anos.

Em 2019, pela primeira vez, o Bolsa Família pagou a 13ª parcela do benefício. Neste ano, o chamado abono natalino, que consiste no pagamento em dobro da parcela de dezembro, ainda não foi confirmado.

Segundo a Caixa Econômica Federal, que administra os pagamentos, 13,1 milhões de famílias foram atendidas pelo Bolsa Família em dezembro. O desembolso no mês passado foi de R$ 2,5 bilhões com os pagamentos normais, além de outros R$ 2,5 bilhões com a 13ª parcela.

Conforme dados da Secretaria Nacional de Renda e Cidadania, vinculada ao Ministério da Cidadania, o município de Pomerode conta com 54 famílias beneficiárias do Bolsa Família (dados de outubro de 2019). Essas famílias equivalem, aproximadamente, a 0,51% da população total do município, e inclui 13, que, sem o programa, estariam em condição de extrema pobreza. No mês de outubro, foram transferidos R$ 8.021,00 às famílias do Programa e o benefício médio repassado foi de R$ 148,54. 

Com informações da Agência Brasil

 

Quer receber as notícias de Pomerode e região pelo WhatsApp? Clique aqui.



Veja também: