Terca-Feira, 25 de Junho de 2019

facebook_icon

Hoje: Máx 21Cº / Min 9°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

De pedagoga para quem será o futuro da pedagogia

No último 20 de maio, foi celebrado o Dia do Pedagogo, profissão da área da Educação. E, quem está cursando, na universidade, teve a oportunidade de prestigiar uma palestra sobre o curso, no polo da Uniasselvi, em Pomerode, na terça-feira, dia 21

089d2b5eacfcc9b3f83a2a2a65fa4a1b.jpg Foto: Tatiane Hansen / Jornal de Pomerode

No último 20 de maio, foi celebrado o Dia do Pedagogo, profissão da área da Educação. E, quem está cursando, na universidade, teve a oportunidade de prestigiar uma palestra sobre o curso, no polo da Uniasselvi, em Pomerode, na terça-feira, dia 21.

Quem comandou a apresentação foi a Gerente de Formação e Capacitação Continuada em Educação a Distância (EAD) do Corporativo, Neuzi Schotten. A pedagoga e especialista em educação usou parte da noite para passar seu conhecimento aos acadêmicos das turmas de Pedagogia 2849, da tutora Noemi da Silva, e 2460, de Maira Liana Maas. A palestra tinha como tema “O Papel da Pedagogia”.

“O pedagogo pode atuar tanto na sala de aula, como professor, ou especialista nas escolas, hospitais e empresas também. Ele trabalha com o processo de ensino e aprendizagem, se dedicando para compreender como as crianças aprendem e entender como que esse público absorve conhecimento. Com isso, o pedagogo busca as melhores técnicas e métodos para garantir que as crianças aprendam”, relata Neuzi.

De acordo com a coordenadora do polo da Uniasselvi de Pomerode, Eliana Koch Schmitt, a palestra é uma forma de difundir e agregar o conhecimento sobre a área de educação.

“Oportunizar esta palestra para as acadêmicas do nosso polo, incentiva e respalda nossos alunos ainda mais sobre as funções, competências e responsabilidades mediante à profissão, trazendo à tona a importância de ser e viver o papel de pedagoga na sua integridade e plenitude”, ressalta a coordenadora.

 



Galeria de fotos: 1 fotos
Créditos: Tatiane Hansen / Jornal de Pomerode
Veja também: