Terca-Feira, 12 de Novembro de 2019

facebook_icon

Hoje: Máx 23Cº / Min 14°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo inicia nesta segunda

Aplicação das vacinas pode ser feita nas Estratégias de Saúde da Família, em Pomerode

471b22da2c97722e4e8b8c5c8119fec6.jpg Foto: Raphael Carrasco/JP

Inicia no mês de outubro, a Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo, em todas as unidades de saúde do país. Em Pomerode, a aplicação das vacinas pode ser feita nas Estratégias de Saúde da Família, que ficam nos bairros da cidade. 

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/29f51f06e48d9e702fd26857397d83d9.jpg

 

A  campanha ocorrerá em duas etapas, considerando os seguintes períodos e grupos alvo de vacinação. Vale lembrar que a aplicação das doses pode ser feita em qualquer época do ano, sendo a campanha um norte para promover e difundir com mais profundidade a prevenção da doença.

No período de 07 de outubro a 25, será realizada a vacinação de todas as crianças não vacinadas de seis meses a menores de cinco anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias). O dia D, de mobilização nacional, será 19 de outubro.

De 18 de novembro a 30 do mesmo mês, será realizada a vacinação de adultos jovens não vacinados na faixa etária de 20 a 29 anos de idade. O dia D, de mobilização nacional, será 30 de novembro.

Segundo o Ministério da Saúde, a priorização deste grupo na primeira etapa deve-se à elevada incidência da doença nesta faixa etária, nos surtos registrados em 2019. As crianças menores de 5 anos de idade apresentam maior risco de desenvolver complicações, tais como cegueira, encefalite, diarreia grave, infecções no ouvido, pneumonias e óbitos pelo sarampo.

Sobre a doença

A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por meio de secreções respiratórias, no período de quatro a seis dias antes do aparecimento do exantema até quatro dias após. Nos últimos anos, casos de sarampo têm sido reportados em várias partes do mundo e segundo a OMS, os países dos continentes europeu e africano registraram o maior número de casos da doença.

O Brasil registrou 4.507 casos confirmados de sarampo em 19 estados, nos últimos 90 dias, de acordo com balanço divulgado pelo Ministério da Saúde, no último dia 25 de setembro. O número representa um aumento de 13% em relação ao último monitoramento. Ceará e Paraíba passaram a integrar a lista de estados com transmissão ativa do sarampo.

Quer receber as notícias de Pomerode e região pelo WhatsApp? Clique aqui.



Veja também: