Domingo, 18 de Agosto de 2019

facebook_icon

Hoje: Máx 27Cº / Min 18°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Amenizando a dor de um amigo

Edição extra do "Na Luta Pela Vida" atingiu todos os seus objetivos, principalmente, na evolução do quadro clínico de Marinho.

190f895d85953a1d8e8e560868aa843b.JPG Foto: -Amigos unidos pela recuperação de MarinhoBob Gonçalves / Jornal de Pomerode

Foram dias intensos, de muitas dúvidas, apreensão, mas também de estímulo e o caminho para um final feliz. Desde o dia 13 de junho, Mário Rahn, o popular Marinho, vem enfrentando mais uma batalha em sua vida. Naquele dia, enquanto jogava futebol com os amigos, Marinho passou mal e teve que ser encaminhado ao HMRT e, posteriormente, transferido ao Hospital Santa Isabel, em Blumenau, onde, após a realização de diversos procedimentos e exames, foi diagnosticado um quadro de Epilepsia de Causa Estrutural. O empresário teve alta na tarde do dia 26 de junho e, desde então, está junto de sua família, se recuperando.

Diante deste quadro, Rafael Ramthun, juntamente com familiares e amigos de Marinho, idealizaram uma edição extra da campanha “Na Luta Pela Vida”, com um plantão de vendas, na loja física da Marinho Sports, a fim de manter o empreendimento.

 

(Foto: Bob Gonçalves / Jornal de Pomerode)

“Para mim, é uma grande satisfação estar ao lado dele e de sua família neste momento, afinal, são pessoas que que eu considero muito. O Marinho foi uma das primeiras pessoas que me visitou quando eu recebi o meu diagnóstico de câncer e, praticamente, me mostrou uma luz no fim do túnel, me passando que a cura é possível através da fé”, relata Ramthun.

O idealizador da ação destaca, também, que a campanha atingiu todos os seus objetivos, principalmente, na evolução do quadro clínico de Rahn. “Isso foi muito nítido e é um motivo de comemoração. Ele se envolver na loja, fez com que tivesse uma motivação a mais, tanto que, hoje, ele está praticamente atendendo sozinho, junto com a esposa, recebendo as pessoas e comercializando seus produtos. No início, ele pouco se comunicava mas, aos poucos, foi se envolvendo e eu vi que essa ação contribuiu e o estimulou para a sua melhora. Tanto que, conforme foram passando os dias, ele começou a lembrar o preço dos produtos e diferenciá-los, o que foi muito gratificante, afinal, este era o seu ‘mundo’”.

 

Conforme foram passando os dias, ele começou a lembrar o preço dos produtos e diferenciá-los, o que foi muito gratificante, afinal, este era o seu ‘mundo’.

 

Ainda no quadro financeiro, com esta ação, a continuidade do empreendimento está praticamente assegurada. “Pudemos, com a ajuda de muitas pessoas, entre eles, a esposa Rose, o filho Marlon, o irmão Max, minha família, amigos e até mesmo as meninas da Rede Feminina de Combate ao Câncer, organizar a loja e diminuir, quase que pela metade, o estoque que antes existia. E como a Marinho Sports é o seu ganha-pão, essa foi a forma de podermos contribuir com ele, para que, a partir de agora, praticamente recuperado, possa continuar ‘tocando’ o seu negócio. A meta por mim estipulada, não foi só atingida, como muito superada”.

 

(Foto: Bob Gonçalves / Jornal de Pomerode)

Agradecimento

O sentimento de gratidão está presente no semblante de todos os evolvidos, pincipalmente, naquele que foi o motivador desta ação. “Primeiramente, tenho que agradecer a Deus e a todos os amigos que oraram por nós e as pessoas que se manifestaram, tanto pessoalmente, quanto por mensagens. Isso foi nos fortalecendo e confortando, enquanto nos recuperávamos. Ninguém esperava que fosse algo tão grave, mas a minha recuperação está sendo excelente. Aos poucos, estamos voltando ao ritmo normal, depois de duas semanas internado no hospital”, garante Marinho.

Segundo o empresário, essa iniciativa foi fundamental, pela amizade que os dois mantém, além de terem passado por situação semelhante, anos atrás. “Conseguimos fazer um evento legal, no ano passado, com a arrecadação de quase seis mil reais para a Rede Feminina. Isso nos fortalece e conseguimos fortalecer outras pessoas que passam por situações ainda mais difíceis. As dificuldades existem, mas Deus permite que elas aconteçam para que nossa fé e confiança sejam ainda mais fortalecidas. A oração tem um poder extraordinário, portanto, jamais devemos desanimar e desistir. Por isso, precisamos agradecer todos os dias e muitas vezes ao dia por, em todas as situações, mesmo que elas não sejam favoráveis. Meu muito obrigado a todos, principalmente, a toda família e à minha fiel escudeira Roseli, que está cuidando de mim, pela segunda vez”.

 

Precisamos agradecer todos os dias e muitas vezes ao dia por, em todas as situações, mesmo que elas não sejam favoráveis. Meu muito obrigado a todos, principalmente, a toda família e à minha fiel escudeira Roseli, que está cuidando de mim, pela segunda vez.

 

Ramthun também aproveita para agradecer àqueles que se dispuseram a ajudar. “Ele tinha duas opções para recuperação: ficar num quarto fechado escuro ou estar no ‘mundo dele’. E tanto ele, quanto a gente e nossos amigos, optamos pela segunda opção. Por isso, não posso deixar de agradecer, também, a todas as pessoas que estiveram na loja da Marinho Sports, onde percebi o envolvimento de muitos amigos, de longa data, pessoas que jogaram com ele por diversas equipes, além de escolas que vieram comprar produtos, além do pessoal da Rede Feminina de Combate ao Câncer, que também auxiliou nas vendas. Independentemente do valor que compraram, todas essas pessoas contribuíram para a recuperação física e financeira do Marinho. Todas fizeram parte deste projeto de envolvimento e solidariedade”.

 

Plantão de vendas foi um sucesso (Foto: Bob Gonçalves / Jornal de Pomerode)

Ele finaliza, dizendo que todos saem fortalecidos desta ação, para continuar essa corrente do bem que se iniciou com a campanha “Na Luta Pela Vida”. “Já vejo o Marinho bastante motivado para o jogo de fim de ano, no dia 14 de dezembro. Na oportunidade, novamente, toda a renda será revertida para a RFCC. É uma forma de continuarmos a fazer o bem, sem olhar a quem. Por isso, desde já, conto com a colaboração de todos, mais uma vez”, conclui Ramthun.



Galeria de fotos: 5 fotos
Créditos: Bob Gonçalves / Jornal de Pomerode Bob Gonçalves / Jornal de Pomerode Bob Gonçalves / Jornal de Pomerode Bob Gonçalves / Jornal de Pomerode Bob Gonçalves / Jornal de Pomerode
Tags:
Veja também: