Jornal de Pomerode

Edição Impressa



int(65420)

Viva melhor e com mais qualidade

Professor de Educação Física dá dicas para que as pessoas vivam com mais saúde, no dia em que se comemora o bem mais precioso do ser humano.

b727ee8a89afbb3fb713dd65dc7de716.jpg Foto: Divulgação

A saúde, de acordo com o conceito definido pela Organização Mundial da Saúde (OMS), é um estado de completo bem estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade. Por fazer parte do nosso cotidiano, o dia 07 de abril é reservado para a celebração do Dia Mundial da Saúde. O principal objetivo desta data é conscientizar as pessoas sobre a importância da preservação da saúde para ter uma melhor qualidade de vida. Em 2018, o tema escolhido é “Saúde para todos”, o que resume o objetivo da OMS ao longo dos seus 70 anos de existência.

O Dia Mundial da Saúde foi criado pela entidade em 1948, devido a preocupação de seus integrantes em manter o bom estado de saúde das pessoas em todo o mundo e, também, alertar sobre os principais problemas que podem atingir a população mundial. No entanto, oficialmente, a data passou a ser comemorada em 1950.

E um dos pilares para essa busca na qualidade de vida é o esporte. Por isso, conversamos com o professor de Educação Física, Rafael da Luz, de 33 anos, sobre a importância deste tema. Especialista em Fisiologia e Treinamento Desportivo, o pomerodense aplica seus conhecimentos aos alunos da rede pública municipal.

JP Esporte - Desde quando você mantém essa paixão e envolvimento com o esporte?
Rafael da Luz -  Minha paixão vem de muito novo. Sempre tive vontade de praticar algum esporte, mas comecei muito tarde, aos 14 anos, participando pela primeira vez do Moleque Bom de Bola. Sempre tive o sonho de ser jogador de futebol, mas, com o tempo, fui deixando esse sonho de lado. Depois de quatro anos que terminei o Ensino Médio, ingressei na faculdade de Educação Física e vi uma oportunidade de estar mais perto do esporte. É muito gratificante poder lecionar, quando você vê seus alunos dizendo que te amam, muitas vezes, sem pedir nada em troca, apenas sua atenção. Hoje, vejo que escolhi a melhor profissão e agradeço a Deus por ter me abençoado. Agradeço, também, à minha esposa, que está ao meu lado no dia a dia, me apoiando.

JPE - No que a prática esportiva pode auxiliar na questão da melhora da saúde das pessoas?
RL - Em muitas questões, como bem estar, autoestima e qualidade de vida. O esporte torna o ser humano mais disposto para enfrentar o dia a dia.

JPE - E uma alimentação saudável, também é primordial nesse processo?
RL - Com certeza. A alimentação saudável teria que estar inserida nos lares, mas, infelizmente, não é assim. Sempre coloco aos meus alunos que uma alimentação de qualidade evita muitas doenças futuras. Isso só faz bem, por vai torná-los adultos mais saudáveis, dispostos e bem humorados.

JPE - Qual é o número ideal de atividades físicas semanais, indicado para as pessoas?
RL - Eu diria que 30 minutos por dia seria ideal para uma pessoa. Lógico, conciliando com uma boa alimentação, hidratação adequada e ótima qualidade de sono.

JPE - Você acha que os jovens, principalmente, estão se alimentando mal?
RL - Sim, os jovens pensam que, porque são novos, não vão adquirir nenhuma doença. Com isso, temos, nas escolas, alunos sedentários, que nunca praticaram alguma atividade física, e que, ainda, se alimentam mal, além de passar muito tempo em frente a celulares, TV e computadores. 

JPE - Quais as práticas que devemos tomar para obtermos uma vida mais saudável e com mais qualidade?
RL - Em primeiro lugar, a atividade física deve estar inserida no seu cotidiano, como uma simples caminhada diária, que pode melhorar o humor e afastar doenças do coração. Todavia, antes de começar, procure um médico que possa te orientar. Depois disso, é indispensável uma boa alimentação, uma hidratação ao longo do dia e uma ótima qualidade de sono.



Galeria de fotos: 2 fotos
Créditos: Divulgação Divulgação
Tags:
Veja também:









Publicidade

  • 50b2324f0aa1127b27ce46c6d6dd7ed4.jpg