Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Um Empório recheado de delícias e dos melhores produtos artesanais

Produtos artesanais tradicionais de Pomerode e região, são as principais apostas do Empório 1868, inaugurado em 02 de outubro, no Centro de Pomerode. O espaço é gerenciado pelas irmãs Ana Claudia Nienow e Sandra Cristina Nienow.

f5d6efa429ee2681cd564b10ef244ea1.jpg Foto: Isadora Brehmer/JP


Produtos artesanais tradicionais de Pomerode e região, são as principais apostas do Empório 1868, inaugurado em 02 de outubro, no Centro de Pomerode. O espaço é gerenciado pelas irmãs Ana Claudia Nienow e Sandra Cristina Nienow, que revelam que a ideia surgiu através do desejo de ter um negócio em que pudessem valorizar o que é produzido em Pomerode e também na região. 

“Queremos prestigiar as empresas locais e os produtos artesanais tipicamente nossos. Conhecemos os produtos daqui e sabemos da sua qualidade. Nossa cidade é conhecida pela ótima gastronomia e aqui nossos clientes encontram muito do que há de mais gostoso em Pomerode”, explicam as proprietárias. 

O nome foi inspirado na história da cidade e da família. Ana Claudia e Tina contam que, ao planejar a loja, sabiam que precisava ser algo que fosse característico da cidade, então foram buscar inspiração na história. Nas pesquisas, acabaram descobrindo que a família Nienow chegou em Pomerode no ano de 1868, época em que a maior parte das famílias mais tradicionais chegou à cidade. Por isso, decidiram que Empório 1868 era perfeito.

No local, é oferecida uma grande variedade de conservas, geleias, bolachas, cervejas artesanais de Pomerode, linguiças, queijos etc. Também é possível encontrar massas e molhos italianos, e ainda vinhos e espumantes importados do Chile, Argentina e Espanha, por exemplo. 

“Outras delícias que possuímos aqui no Empório 1868 são os cafés especiais, nas versões em grão e moído. São da região cafeeira de São Paulo e Minas Gerais que são cuidadosamente torrados pela Blum’s Kaffee de Blumenau. Oferecemos também pequenas e doces delícias como pães de mel recheados, brownies e alfajores que surpreendem os paladares mais exigentes”, enumeram as irmãs. 

Elas também contam que planejaram a loja para que fosse um espaço agradável, para que o cliente se sinta confortável enquanto escolhe o que vai comprar. Além disso, o atendimento é pessoal, ou seja, elas buscam conversar e também dar dicas para que o cliente encontre algo que combine ao máximo com o seu gosto e saia 100% satisfeito. 

“Como são produtos que frequentemente temos em nossa mesa, podemos indicar o produto e algumas formas de consumo. Muitas receitas são trocadas no Empório. Aqui as conversas sobre a história da nossa cidade e da nossa família são algo muito especial também. Os visitantes querem saber porque 1868 e como viviam os imigrantes no início da colonização da região. Alguns dos nossos clientes tem memórias da casa Ramthun, onde se localiza o Empório, de eventos ocorridos na cidade, sem falar nas lembranças da infância. Muitas vezes, o atendimento transforma-se numa boa conversa”, contam Ana Claudia e Tina. 

Outro serviço é também preparar cestas de presentes, Natal, Amigo Secreto, entre outras opções, que são feitas de acordo com o pedido do cliente, levando em conta quem será presenteado, produtos da preferência ou valor a ser investido. Para este período, foram adquiridos produtos alemães que já são tradição e podem ser um ótimo presente.

“Queremos acolher nosso cliente, ouvi-lo e oferecer o melhor atendimento.  A localização e o horário de funcionamento foram escolhidos de forma a estarmos bem acessíveis.  Nosso interesse é que o cliente encontre o que ele busca e fique satisfeito. Trocamos ideias, sugestões e partilhamos o que conhecemos para que os produtos sejam apreciados de forma completa”, ressaltam elas.

Serviço: 

Rua 15 de Novembro, 228, sala 2, Centro.
Segunda-feira das 13h às 18h30min, terça-feira à sexta-feira das 08h30min 
às 12h e das 13h às 18h30min, 
sábado e domingo das 09h 
às 17h (sem fechar para almoço).
Contato: (47) 3382-4493

 



Galeria de fotos: 4 fotos
Créditos: Isadora Brehmer/JP Isadora Brehmer/JP Isadora Brehmer/JP Isadora Brehmer/JP
Veja também:









Publicidade

  • 
    50b2324f0aa1127b27ce46c6d6dd7ed4.jpg