Jornal de Pomerode
Versão impressa


int(63616)

Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Pomerode – 12 de dezembro de 2017

A Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Pomerode foi aberta pelo presidente do Legislativo, Rafael Pfuetzenreiter, que cumprimentou os presentes, em especial, os visitantes, imprensa e ouvintes via online.

bac1b81b4c8174025e0482b9dbea40d3.jpg Foto: Divulgação

Comenda Paula Uber

No início da Sessão Ordinária, foi realizada entrega de Comenda Mérito Legislativo “Paula Uber” aos professores Leonilda Kamke Behling e Valmor Kamchen, em homenagem ao Dia do Professor.

Sobre a homenageada Leonilda Kamke Behling

Leonilda Kamke Behling nasceu em 21 de outubro de 1954. É filha de Laura Ida Ana Kamke (in memorium) e de Bertholdo Kamke (94 anos). Iniciou os estudos em 1962, na Escola Municipal Dr. Amadeu da Luz e continuou o 4º ano no Grupo Escolar José Bonifácio. Em 1967, prestou exame para ingressar no então Ginásio Dr. Blumenau, cursando de 5a a 8a séries. Seu primeiro emprego foi como balconista da Firma Haut & Cia. Após, trabalhou de secretária do antigo Funrural, até 1981. Casou-se em 1978 com Edson Behling e juntos constituíram uma família, com dois filhos. Em 1980 nasceu a primeira filha, Susan, e em 1983 nasceu Thomas. Hoje, avós de Júlia e Artur. Iniciou sua carreira de professora em junho de 1982, como substituta em escola multiseriada em Testo Alto Fundos. Percebeu a necessidade de se especializar, fazendo o curso de Magistério, em 1983, em Blumenau (há 35 anos só existia naquela cidade). Após o término, prestou concurso público do Estado, pois até aquele momento todos os professores eram efetivados por tempo de serviço. Ingressou no Estado em 1985, na Escola Estadual de Testo Alto Fundos – multiseriada. Fez uma permuta com sua sogra, Elzira Behling (in Memorium), e assim, assumiu como professora efetiva e lotada por 40 horas no Colégio Estadual Presidente Prudente de Morais, lecionando até 1992, quando foi convidada a ser Auxiliar de Direção. Os anos em sala de aula foram marcantes, muitas estórias boas, engraçadas e memórias. Dificuldades também existiram, pois era professora, dona de casa, esposa e mãe. De 1992 em diante esteve diretamente ligada à direção do Colégio Prudente de Morais, como auxiliar de direção e, depois, como secretária. Surgiu oportunidade aos efetivos do Estado, de fazerem um vestibular para se aperfeiçoarem. Viu, então, sua chance de fazer faculdade na área ensino, anos de dedicação e amor à profissão. Foi então, que em 1997 a Universidade Federal de Santa Catarina abriu as portas para lecionar em sistema Magister, na Faculdade de Jaraguá do Sul, para os professores que não tinham oportunidade de se especializar. Em 2001 foi diplomada e Licenciada em Letras, Alemão e Literatura Alemã. Ainda foi agraciada, em agosto de 1998, pelo então Diretor do Colégio Estadual José Bonifácio, Nelson Fischer, pessoa muito prestigiada, a ser sua mão direta, Secretária da escola. Ainda prestou novo concurso público e, em 2002, assumiu novamente turmas, como professora, conciliando, assim, as funções de professora de língua alemã e secretária de escola. Dona Leonilda se aposentou pelo magistério ainda em 2002. Quando na oportunidade de aumentar carga horária, se desligou da sala de aula mais um tempo para continuar seu trabalho de Secretária. Foram anos de dedicação, de idas e vindas a Blumenau, na Gered, para palestras, reuniões e cursos, buscando sempre atualizar o conhecimento para melhorar o trabalho. Assim fez a primeira Especialização, sua Pós-Graduação em Interdisciplinaridade. Depois foi convidada a fazer a especialização em Gestão Escolar, e assim, quando então o Diretor Nelson Fischer se aposentou, assumiu em 2005 a direção da Escola de Educação Básica José Bonifácio por cinco anos. Durante a sua gestão, sempre trabalhou em parceria com a Secretaria de Educação do município. No momento, ainda continua ligada ao José Bonifácio, como professora afastada, aguardando sua segunda aposentadoria.

Sobre o homenageado Valmor Kamchen

Valmor Kamchen nasceu em Pomerode, no dia 11 de agosto de 1945. Filho de agricultores, Henrique Guilherme Francisco Kamchen (falecido em 1990) e de Paulina Kamchen nascida Ramthun (falecida em 1974). Tem seis irmãos: Loni Fischer (falecida), Lindolfo Kamchen (falecido), Helmuth Kamchen (falecido), Analora Tafner, Elsbeth Piske e Ursula Fiamoncini. Valmor Kamchen é casado com Célia. É pai de Cleide Mara Kamchen e Claus Roberth Kamchen. Tem dois netos: Fernanda Ellen Kamchen e Henrique Guilherme Kamchen. E demais familiares. Valmor é formado em Ciências Exatas pela Furb, com extensão em Matemática. Desde muito jovem, com apenas 19 anos, iniciou na área da Educação, mais precisamente em 1965, inicialmente como Professor Primário e, mais tarde, como Professor de Matemática, no então Grupo Escolar José Bonifácio. Lecionou Matemática no Conjunto Educacional Dr. Blumenau, o qual foi um dos fundadores e chefe do primeiro Grupo Escoteiro de Pomerode: o Grupo Escoteiro João Ehlert. Foi candidato ao cargo de prefeito e não foi eleito por apenas 65 votos. Foi candidato ao cargo de vereador, sendo um dos mais votados naquela eleição, sendo indicado pelo nosso eterno prefeito, Henrique Drews Filho, para liderar a comissão para a implantação do Estatuto e do Plano de Carreira do Magistério Público Municipal. Foi convidado para assumir o cargo de Secretário Municipal de Educação e Cultura pelo já citado prefeito Henrique. Valmor foi o grande articulador político para que o magistério fosse devidamente valorizado, pois concretizou o primeiro estatuto e plano de carreira no regime estatutário do Município de Pomerode. E quando aprovados este Estatuto, este Plano de Carreira, organizou o primeiro concurso público para a classe do magistério municipal. E diante disso, aconselhou todos os professores estáveis pela Constituição Federal de 88 a participarem do concurso público. Todos participaram e foram aprovados. Cabe ainda ressaltar que quando Valmor era Secretário de Educação e Henrique era o prefeito da nossa cidade, houve um movimento na APP da Escola Estadual José Bonifácio para que a educação fosse descentralizada com a implantação de novas escolas, pois havia uma sobrecarga de alunos na Escola Estadual José Bonifácio. Apoiado, então, pelo já citado, prefeito Henrique Drews Filho, foram construídas e criadas algumas escolas municipais. Assim, estava concretizado o sonho da APP da Escola Estadual José Bonifácio e também o sonho do Professor e Mestre Valmor Kamchen. Ainda, Valmor, criou alguns centros de educação infantil, além de implantar o sistema de transporte escolar. Cita-se também que de uma rede de ensino praticamente inexistente, Valmor fez uma grande rede de ensino, pois quando assumiu, esta estava subordinada ao sistema estadual de ensino. Logo, criou através de lei complementar, um sistema de educação próprio para Pomerode, sistema este laureado com vários troféus. Ainda hoje, Pomerode obtém seus destaques na educação nacional, pois foi implantada uma base sólida para a educação de Pomerode, por quem aqui nasceu e por esta terra batalhou e continua batalhando. A implantação do ensino médio na Escola José Bonifácio foi uma das maiores vitórias da carreira de Valmor, pois a partir desta implantação, as classes menos privilegiadas tiveram acesso ao ensino médio gratuito. Foi o principal articulador do convênio com o Estado de Santa Catarina para a criação da Escola Erwin Curt Teichmann, em Testo Central. Em 1996, obteve a sua aposentadoria junto ao Estado de Santa Catarina e voltou a lecionar no Conjunto Educacional Dr. Blumenau. Novamente de 1997 a 2004 foi Secretário Municipal de Educação, nos mandatos dos prefeitos Henrique Drews Filho e Magrit Krueger.  Foi diretor do Hospital e Maternidade Rio do Testo e foi secretário de Governo no mandato do prefeito Paulo Maurício Pizzolatti. Importante destacar que, com o apoio de sua esposa, incentivaram seus filhos, a estudar, a questionar, a pensar, a despertar o senso crítico. Sempre reforçaram a importância dos desafios, dos adversários fortes, pois aprenderam com os mesmos e os mesmos os fortalecem. Educaram seus filhos a respeitarem e a serem respeitados, reforçando sempre que caráter, honestidade, dignidade, humildade se sobrepõem a um título, a um cargo. E como mestre, transmitiu estes mesmos princípios e valores aos seus alunos. Afinal de contas, um mestre não se restringe somente em possuir o título, o grau, não se restringe somente em ensinar. Então, são anos de muito trabalho e continuidade, com muita crença e muito desprendimento. É só olhar e perceber a grandiosidade da sua obra. E pelo seu destacado e prestigioso currículo profissional e político e por sua força, como líder comunitário, Valmor figura entre os mais ilustres cidadãos da comunidade pomerodense. É considerado um mestre, um ser humano valoroso, cujas metas que desenvolveu até os nossos dias, sempre estiveram voltadas para o bem estar social. Valmor sempre será referência como professor, mestre, estrategista político (vários prefeitos elegeu), como político, como cidadão honesto e íntegro. Que oportunizou a seus filhos, a sua família e a muitos outros admiradores, que certamente ele tem, a convivência ao seu lado e o compartilhamento da sua sabedoria, do seu empenho, da sua ética, do seu respeito, do seu amor.

 

Centro de Convivência Pommernheim 

Em seu pronunciamento, o vereador Jean Nicoletto cumprimentou a todos e agradeceu, em nome da diretoria do Centro de Convivência Pommernheim, a comunidade e a todos os turistas que contribuíram para o sucesso do pedágio. “Os organizadores arrecadaram R$ 17.215,70. Isso fará uma grande diferença aos que lá residem. Parabéns aos que colaboraram para que este pedágio pudesse acontecer. Mais uma vez, muito obrigado a todos”, disse. 

Natal Solidário 

O vereador Jean Nicoletto estendeu o convite aos vereadores, prefeito e vice-prefeita, a pedido do amigo Vilmar Draeger, para no dia 18 de dezembro, às 14h30, comparecem na sua residência, na Rua Rega II, para um projeto intitulado Natal Solidário. 

Pagamento do FGTS 

Jean Nicoletto informou que participou, no dia anterior, de uma reunião na Prefeitura, sobre a lei 2797/2017, que revoga o inciso 11º do artigo 5º da Lei Ordinária Municipal 2.819/2016, que extingue o pagamento do FGTS dos servidores admitidos em caráter temporário - ACT’s. “Não consegui dormir ao me colocar na posição destes professores. Ainda ontem no final da reunião, em conversa com o vereador Sirio, debatemos ideias e chegamos à conclusão de conversar com o prefeito sobre o assunto. A notícia é que realmente existem situações que se pedem a retirada do Fundo dos ACT’s. Porém, o prefeito decidiu em mantê-lo, mas para isso, o projeto precisa ser aprovado, provavelmente ano que vem. Sugiro uma emenda para manter o FGTS. Nada mais justo para este profissional. Trabalha mais motivado e pode se manter no final do ano quando for demitido. Peço aos demais vereadores que no próximo ano possamos aprovar este projeto para que continuem recebendo este fundo de garantia. Informo que foi protocolado um ofício do sindicato nesse sentido”, disse. O vereador parabenizou a atitude do prefeito e vice-prefeita, por reverem o assunto. 

Emendas parlamentares I

Na sequência, o vereador Jean Nicoletto abordou sobre emendas parlamentares. “Existem deputados que não vieram para Pomerode somente para tirar fotos. Hoje entrou nos caixas da Prefeitura uma emenda de pavimentação para a Rua Massaranduba, no valor de R$ 250 mil, por meio dos senadores Paulo Bauer e Dalírio Beber. Também não poderia deixar de citar o deputado Peninha, do PMDB, que enviou uma emenda para a compra de uma van para a Apae de Pomerode, que precisa para o transporte de suas turmas. Também cito o deputado Décio Lima, que trouxe uma emenda de R$ 250 mil para a Rua Emílio Waccholz, em Testo Rega. Também dinheiro já na conta do Município. Temos também a chamada Emenda de bancada, que foi no valor de R$ 1 milhão. Destes, R$ 675 mil já foram depositados hoje. Estas são para custeio e exames. Nesta emenda participaram os deputados Marco Tebaldi, João Paulo Kleinubing, Espiridião Amim, Dalírio Beber, Décio Lima e o senador Paulo Bauer. Parabenizo a todos por ganharem os seus votos e retribuírem para a comunidade. Muito obrigado!”, disse. 

FGTS para os ACT’s

O vereador Aldino Oldenburg cumprimentou a todos e reforçou a fala do vereador Jean sobre o FGTS. “Com certeza, quem trabalha merece o FGTS. Seriamos injustos se votássemos a favor de sua retirada. Não seremos omissos nesse sentido”, frisou.

Mensagem de final de ano

Como Líder de Bancada do PSDB, o vereador Jean Nicoletto agradeceu a todos os filiados e simpatizantes do partido. “Agradeço, em nome do nosso presidente, Chico Hass, da nossa vice-prefeita, Gladys Sievert, e dos vereadores, por contribuírem com a sigla. Juntos, somos mais fortes. Em nome do partido desejo a todos os pomerodenses um Feliz e abençoado Natal”. Para finalizar, o vereador Jean Nicoletto apresentou, por meio de slides, uma mensagem para reflexão. “Muitas vezes fui criticado nesta Casa. Como o vídeo mostra, quando uma pessoa brilha, sempre tem alguém querendo tirar este brilho. Que possamos refletir e pensar no que fizemos ao longo deste ano. Sei que não sou perfeito, mas digo que precisamos perdoar o próximo. Desejo um Feliz Natal, abençoado em família. Para finalizar, agradeço à comunidade pela oportunidade deste primeiro ano de mandato”, concluiu.

Construção de um trevo alemão 

Em seguida, o vereador Aldino Oldenburg abordou sobre o Ofício nº 325, de seu gabinete, sobre a construção de um trevo alemão. “Fiz uma indicação de nº 63, para a Rua dos Atiradores, próximo ao nº 2350, solicitando um trevo naquela localidade. Passou um ano e nada foi feito. A resposta que tenho é que está sendo feita uma análise. Mas, a comunidade não pode mais esperar, pois o local é bem perigoso. A solicitação foi feita para a Getran, sendo que aguardo a construção de um trevo alemão, que é muito mais acessível e de baixo custo”, disse. 

Mensagem de Natal e de Próspero Ano Novo

O vereador Aldino agradeceu a comunidade pela confiança depositada. “Agradeço aos votos conferidos a minha pessoa na legislatura passada. Sobretudo, sufrágios que me autorizaram ao Poder Legislativo. Lembro que o Poder Legislativo tem a função de criar leis que auxiliam o Executivo para um entendimento político e harmônico ao cidadão. Ressalto que nos meus projetos procurei apresentar esforço e dinamismo democrático a partir da ansiedade dos munícipes, a fim de encaminhar intenções nobres da vontade política como sendo a minha paixão. Na educação e na produção do pequeno agricultor. Durante este ano, se lamentou a falta de empregos e por tudo que ainda não conseguimos. Nesse sentido, desejo um Feliz Natal e a esperança de dias melhores. Desejo o bom relacionamento das pessoas e uma entrada de ano feliz e harmoniosa. Em nome da Bancada do PMDB, parabenizo a todos os munícipes, que tenham um Natal abençoado e um 2018 com muita harmonia entre a comunidade. E os nossos políticos de Brasília que coloquem a mão na consciência e pensem no povo”, concluiu.  

Relatório de ações em 2017

Em seu discurso, o vereador Amarildo da Silva apresentou um balanço do ano de 2017 sobre seu trabalho como parlamentar, assim como também dos quatro anos anteriores. “Foram apresentadas em plenário inúmeras proposituras, nos mais diversos setores. São cinco anos de mandato na Câmara Municipal de Vereadores de Pomerode, com inúmeros projetos de minha autoria e participação com os demais vereadores em outros projetos. Também foram apresentadas diversas indicações, requerimentos, moções e ofícios, todos para atender as demandas da comunidade, nas mais diversas áreas, sempre respeitando o interesse da coletividade, na busca das soluções dos pleitos dos pomerodenses. Realizei diversas reuniões e trabalhos junto ao gabinete do Executivo Municipal, com as lideranças da comunidade, para ouvi-las, e dar os devidos encaminhamentos das demandas aos setores de competência. Realizei contatos, reuniões com as secretarias, em busca de soluções dos mais diversos pleitos da comunidade e entidades civis. Com a experiência do primeiro mandato, minha atuação é ampla nesse quinto ano de vereança, onde realizo pleitos cobrando recursos, através de emendas parlamentares dos deputados em nível estadual e federal, para o município. Continuo o meu trabalho sempre intensificando as ações, para as devidas melhorias em prol da nossa cidade e a população. Tenho realizado visitas aos moradores, nas mais diversas ruas e bairros, e encaminhado ao Executivo as demandas existentes feitas pela comunidade. Para que as mesmas sejam executadas, através das secretarias de competência de cada pleito”, apresentou.  Na sequência, o vereador Amarildo da Silva informou que todos os seus trabalhos, apresentados em Plenário, na íntegra, podem ser consultados no site da Câmara pelo site http://cmpomerode.sc.gov.br. “Cito como destaque o Projeto Lei nº 395/217, que assegura a permanência de acompanhante ao paciente do Sistema Único de Saúde - SUS, no Pronto-socorro das Unidades Hospitalares e Postos de Saúde no Município de Pomerode”. Muitas pessoas entraram em contato comigo agradecendo por esta inciativa, concluiu.

Banco Viacredi 

Na sequência, o vereador Amarildo da Silva parabenizou a direção do Banco Viacredi, pelo Conselho Educativo. “Cito um dos conselheiros, o senhor Ivanir da Costa, pelo evento realizado no Clube Primavera. Um grande evento realizado para todas as famílias. Espero que outros bancos tomem esta iniciativa e possam apresentar encontros sociais como este para a comunidade. Parabéns a toda a coordenação e ao Conselho Educativo do Banco”, disse. 

Festa de encerramento do Formigueiro 

O vereador Amarildo da Silva parabenizou o Formigueiro Esporte Clube, que, no dia 10 de dezembro, realizou o encerramento das suas atividades com toda a comunidade e equipes que participaram. “Parabenizo toda a diretoria, em especial ao nosso amigo Marcos. Nesse sentido peço a Deus pela recuperação de sua saúde. Mesmo debilitado não mediu esforços para o sucesso do evento, para toda a nossa comunidade”, falou. 

Agradecimentos

Em nome do senhor Ivanir da Costa, o vereador Amarildo da Silva agradeceu aos vereadores, pois este ano entregou o cargo como presidente da Associação de Moradores do Bairro de Testo Rega. E no final deste mês também entrega a posição de coordenador da Capela Santa Terezinha. “O seu Ivanir da Costa pediu para que em seu nome agradecesse aos parlamentares, assim como às rádios, aos jornais, pelo apoio, pois sempre tiveram de portas abertas para que pudesse dar publicidade aos atos realizados. Parabéns então, senhor Ivanir, pelo grande trabalho realizado na Associação e também na comunidade”, falou. 

Mensagem de final de ano

Para finalizar, o vereador Amarildo desejou a toda a comunidade pomerodense uma mensagem de Natal e Ano Novo. “Desejo com todo o carinho e espírito de Natal que é a paz. A alegria do Natal que é a esperança. O coração de Natal é o amor e que tudo isso se faça vida dentro da sua vida hoje, amanhã e sempre. Sempre é Natal onde nasce e renasce a paz, a esperança e o amor. Desejo a todos um Feliz Natal e um abençoado Ano Novo para você, seus amigos e seus familiares. Que Deus ilumine, proteja e abençoe todos nós. Forte abraço a todos os presentes e a todas as famílias pomerodenses. Desejo em meu nome e do Partido Progressista, um forte abraço a todos”, concluiu. 

Balanço anual e felicitações de final de ano

Na sequência, o parlamentar fez um balanço do ano. “Na minha vida pessoal foi maravilhosa, mas no lado político lamento algumas situações. Achei que a política era mais fácil, porém, é muito complicada. Temos muitos entraves burocráticos, sendo que gosto de resolver as situações com rapidez e agilidade. Sinto-me com as mãos atadas por não conseguir ajudar as pessoas como elas precisam. Quero dizer que simplicidade não é sinal de burrice ou de desconhecimento. Se nós trabalhássemos com mais simplicidade as coisas fluiriam melhor. Tanto na nossa vida como nos órgãos públicos. Cito um exemplo, como quando um veterinário chega para inseminar um animal. O custo é de R$ 20,00. Seria tão simples pagar para o profissional, este emitiria um recibo e no final da semana seria acertado o valor. Hoje, por causa de R$ 20,00, o agricultor precisa ir à Prefeitura, pegar uma ficha, ir ao banco e voltar na Prefeitura. E isso é só um pequeno exemplo. Muitas vezes o prefeito é cobrado por uma obra que poderia ser feita no dia seguinte... Mas, as questões burocráticas o impedem. Existem tantas leis que amarram... Um exemplo é o Samae. E nós, neste ano, fizemos tantos projetos... Muitas vezes fico procurando para ver algo que facilite para as pessoas, mas esbarramos em leis da esfera federal ou estadual. Então, eu questiono se vale a pena fazermos projetos mirabolantes, que ficam amarrando, e que não tem pessoas suficientes para fiscalizar... Temos que refletir e começar a simplificar as coisas para fluir com mais facilidade. Criar menos leis e eliminar algumas que já existem. E não cada vez criar mais. Muitas vezes eu digo que a simplicidade precisa existir e não é sinal de incapacidade e burrice. Vamos facilitar a vida das pessoas. Então, se neste ano eu fiz poucos projetos, não foi porque eu não quis. Mas, foi porque ao analisar, de alguma forma, iria amarrar e complicar ainda mais o que já existe. Para finalizar agradeço a Deus por este ano maravilhoso que tive com minha família e desejo um Natal excelente para todas as famílias. Que façamos uma reflexão e que possamos renovar as nossas esperanças. E só depende de nós. Que façamos um ano melhor”, terminou.

Prestação de Contas

O vereador Rafael Pfuetzenreiter cumprimentou a todos e enfatizou a importância da última sessão do ano, sendo um momento de balanço das ações e de prestar contas. “Quero agradecer de uma forma simples e sincera a todos os vereadores por terem me dado à oportunidade de ser presidente da Câmara neste ano. Foi um período de muitos desafios, em que aprendemos muito... E, quando chegamos ao final do mandato, e começamos a entender como a burocracia funciona, já está quase acabando. Nesse sentido, gostaria de fazer um resumo do mandato de 2017, falando também sobre alguns projetos que foram feitos em conjunto com os demais vereadores. Começo aqui falando sobre o Projeto Cabide Solidário, que foi o primeiro realizado em Pomerode, com a iniciativa da Câmara e parceria com a Prefeitura, por parte do prefeito e secretária de Educação. Com o apoio de toda a população conseguimos arrecadar peças de roupas para o Centro de Convivência Pommernheim, a Rede Feminina de Combate ao Câncer e o Brechó Beneficente da Comunidade Luterana de Testo Central. Agradeço a toda população que ajudou para que o Projeto desse certo. Sobre o Projeto de Lista de Espera de Vagas nas Creches da cidade foi uma das principais demandas deste ano. Ouvimos diversos pais e famílias, pois há uma demanda muito grande na cidade. Pomerode virou um polo turístico muito grande e atraiu muitas famílias para viverem aqui. Defendo, independente de raça, cor, etnia, se é baiano, gaúcho, paranaense, paulista, carioca, ou pernambucano, que venha para a nossa cidade, mas para trabalhar e contribuir com a nossa cidade. Agora, para aqueles que vêm para se aproveitar dos que trabalham, dos cidadãos de bem, assim como existem muitos pomerodenses assim também... Destes nós não precisamos. E esta lista de espera vem dar maior transparência para a quantidade de vagas existentes no município. Pois, ela divulga quem está esperando. E é necessária para se avaliar se existe alguma ação incorreta na destinação das vagas. O que eu garanto que não acontece”, falou. Na sequência, o vereador Rafael Pfuetzenreiter abordou sobre o projeto Aluno Nota 10. “Quero parabenizar a todos os vereadores pelo apoio, à secretária de Educação que também participou deste projeto e à Prefeitura que participará ano que vem. Projeto este, que dará a oportunidade aos alunos do nosso município a conquistarem um reconhecimento e premiação por estudarem o ano todo. Resumidamente, nós premiaremos os melhores alunos do 3º ano do Ensino Médio e do 9º Ano do Ensino Fundamental. Tivemos a felicidade de ter a parceria de diversas empresas da cidade e de fora também. Em uma das premiações, feita com a Uniasselvi, o melhor aluno ganhador do concurso poderá adquirir uma faculdade gratuita. Assim como a Unicesumar que também nos concedeu uma vaga para faculdade à distancia. A Kyly e a TDV estão disponibilizando vagas de estágio e de Melhor Aprendiz não só para os melhores, como para os 14 alunos que se destacaram. Saliento que ainda não temos a lista dos alunos, somente após o final do ano letivo. Estas foram algumas das empresas que participaram, cito aqui a Wizard e a Achieve Languages Pomerode, escolas de idiomas aqui do Município que também darão cursos gratuitos, assim como uma empresa de Coach que ofereceu o seu atendimento. Dentre estas empresas parceiras quero parabenizar e agradecer também as que acreditam neste projeto. Qualquer um destes cursos foi algo que eu não tive e sei da grande importância para os jovens. Acredito sim que fará a diferença para os nossos estudantes”, explicou. O vereador Rafael Pfuetzenreiter mencionou o Projeto Pomerode Segura, lembrando que, há algumas semanas, uma empresa foi assaltada em Pomerode, tendo a filha dos donos sido sequestrada no momento, mas felizmente saindo-se bem do ocorrido. Que está muito afetada e desacreditada... De que Pomerode não é mais como antigamente. “Nesse sentido, estou muito otimista com o Projeto Pomerode Segura e com as tratativas. Acredito que até março do ano que vem teremos entre 17 a 20 câmeras de segurança de vídeo monitoramento nos pontos mais distantes da cidade, para que possamos dar mais auxilio à nossa PM. Sei que o investimento não é baixo, mas friso a importância do retorno que tivemos do Tenente De Luca, que fez a verificação dos pontos mais vulneráveis, de saída e entrada da cidade. Já foram feitas algumas reuniões e, das 20 empresas que participaram, todas se manifestaram interessadas em participar. Mas, ainda não é suficiente, pois temos que fazer reuniões em outros bairros, como Testo Rega e Testo Alto, em conjunto com os demais vereadores, para pedir o apoio para a compra dos equipamentos. A ideia do projeto é a compra do equipamento pela iniciativa privada, com o apoio dos comerciantes, residentes e empresários da cidade. Através da parceria com a Prefeitura será feita a instalação e a manutenção. Teremos então, vídeo monitoramento 24 horas por meio de 20 câmeras espalhadas em pontos estratégicos de nossa cidade pela Polícia Militar. Nós sabemos que a PM faz o melhor possível com a estrutura que possui. Conforme comentado anteriormente, nós temos 19 policiais e o ideal seriam 36. Enfim, fiz um resumo dos trabalhos feitos durante este ano, porém tem muitos mais pontos a se destacar... Desta forma, estarei complementando nos meios de comunicação. Para que a população possa ver que todos os vereadores se comprometeram com as questões do município. Agradeço a oportunidade que os vereadores me deram para estar presidente desta Casa, assim como a população que me deu mais uma vez a oportunidade de representá-la. Quero a cada dia dar o meu melhor. É a comunidade que paga o nosso salário, então, nada mais justo do que fazermos o que tiver ao nosso alcance para atender a sua demanda. Mais uma vez obrigado! Um Feliz Natal e Próspero Ano Novo a todos”, terminou. 

Agradecimento às Secretarias de Obras e Agricultura

O vereador Ademar Marquardt cumprimentou a todos e agradeceu às Secretarias de Obras e de Agricultura pelo atendimento de mais alguns agricultores com as horas / máquinas cedidas pela Prefeitura. “Os colonos que realmente precisam deste atendimento agradecem”, disse. 
Parceria firmada
Na sequência, o vereador Marcos Dallmann apresentou um resumo dos seus trabalhos realizados na câmara. “Sou humilde o suficiente para reconhecer a importância dos colegas Cleide Kamchen e Deoclides Correa. Se o ex-vereador Nelson Fischer e eu tivéssemos pelo menos um de vocês dois na Câmara de Vereadores, com certeza, teríamos produzido muito mais. Independente de sigla partidária”, disse. 

Projeto Câmara Mirim

Em seu discurso, o vereador Marcos Dallmann cumprimentou a todos, em especial os vereadores Mirins presentes na Sessão. “Tive a oportunidade, na última sexta, dia 08, de tomar um café com a vereadora Cleide e os vereadores Mirins. Pena que não fizemos antes. Faltaram apenas três mirins, mas a maioria estava presente. Foi uma conversa descontraída, inclusive falamos sobre o projeto que irá para votação, que prorroga a legislatura deste ano. Importante é não perder este projeto que é tão importante. Nesse sentido, apresentarei uma indicação em nome do vereador mirim Michel Kuster. Ele solicita para as escolas, lixeiras de coletas seletivas. Iniciativa esta muito importante. Também a cobertura do bicicletário das escolas. Um fato importante do Michel, é o implemento da cultura e tradição nos ensinos iniciais. Parabéns ao Michel pelas indicações. Gostaria de falar também sobre a indignação dos pais pela ausência de movimentação ou envolvimento junto com os vereadores mirins. Lamentaram que faltou um pouco de comunicação e falta de procura. Então, caso aprovado o projeto, desejo o sucesso aos vereadores mirins para o ano que vem. Como pedir um Brasil melhor, se nem o direito de exercer a própria cidadania dos mirins foi deixado? Temos que deixar os mirins fazer a parte deles para futuramente termos um país melhor”, disse.

Emendas parlamentares II

Marcos Dallmann deixou uma mensagem à pedido do deputado Federal Peninha e do deputado estadual Aldo Schneider. “Ambos me pediram que deixasse um abraço e um Feliz Natal a todos os pomerodenses, além de que podem sempre contar com eles. O Peninha foi o grande responsável pela vinda do Projeto Funasa, no valor de R$ 3.200.000,00. Juntos, estamos tentando uma emenda com o prefeito Ércio, sendo que o mesmo ainda depende de algumas questões técnicas, que deve complementar a cultura, através dos Clubes de Caça e Tiro e uma van para a Apae. Não costumo fazer um alarde muito antes, se depois por questões técnicas acaba não acontecendo... O nosso deputado Aldo Schneider, responsável por inúmeras emendas parlamentares vindas nos últimos cinco anos - parte de algumas obras inauguradas este ano pelo prefeito Ércio -, ainda se recupera de um câncer. Passou por diversas cirurgias, internamentos, UTI, mas é muito forte e com muita força de vontade, assumirá no ano que vem a presidência da Alesc”, falou. 

FGTS para os ACT’s II

O vereador Marcos Dallmann falou sobre o Projeto de Lei 2797/2017, que trata sobre a retirada do Fundo de Garantia para os ACT’s. “Se fosse para votação hoje, com certeza eu seria contra. Temos que analisar o projeto ainda, pois não deu tempo. Temos que analisar a forma como será feita a emenda. Penso que os ACT’s têm as mesmas obrigações e os mesmos direitos. Também sou a favor de manter o fundo de garantida para estes servidores”, disse.

Mensagem de Natal e Ano Novo

A seguir, o vereador Marcos Dallmann desejou um Feliz Natal e próspero Ano Novo para toda a comunidade.  “Agradeço aos colegas vereadores, pelas conversas e trabalhos. Poderíamos ter uma união maior e mais harmonia, mas infelizmente não foi pregado o que se falava no inicio do ano. Muitas vezes eu e os vereadores Aldino Oldenburg, Cleide Kamchen e Deoclides Correa só ficávamos sabendo das decisões quando já tomadas. Inclusive, na coluna do Jornal de Pomerode disse que um ex-deputado pediu que os vereadores do partido parassem de brigar, que se fosse para isso, que fizessem com a oposição. Então, primeiro se pede paz e união e depois diz que é para brigar... Essa não é a política que nós queremos. Nós queremos união, trabalhar juntos, e como eu sempre falei aqui: Quero ser participativo. Então, colaborem com isso”, terminou. 

Mensagem ao Samae

O vereador Marcos Dallmann mencionou um recado ao Samae. “O flocodecantador está em andamento. Com os R$ 500 mil da Câmara e os R$ 500 mil em caixa recebidos no início do ano, esperamos passar um fim de ano repleto de realizações e com água. Aproveitem bem o Edson Piske e toda a equipe técnica do Samae. O Edson foi uma peça fundamental para o Projeto Funasa acontecer”, disse. 

ORDEM DO DIA

Aprovado por unanimidade, em única discussão e votação o Projeto de Decreto Legislativo nº 128/2017; Objeto: Prorroga o mandato dos Vereadores Mirins da Legislatura 2017, e dá outras providências.

Aprovado por maioria, com a ausência do vereador Deoclides Correa, em única discussão e votação, o Requerimento nº 48/2017, de autoria do vereador Jean Carlos Nicoletto. Objeto: Implantação de rotatória no cruzamento entre as Ruas Presidente Costa e Silva e Vitória.  

Aprovado com maioria, com o voto contrário do vereador Ademar Marquardt, em única discussão e votação, o Requerimento nº 49/2017, de autoria dos vereadores Marcos Dallmann e Aldino Oldenburg. Objeto: Informações sobre Utilização de imóvel do Município.

Aprovado por unanimidade, em única discussão e votação o Projeto de Lei nº 2798/2017: Institui a Unidade Monetária Ambiental (UMA) para efeito de cálculo de atualização monetária e unidade de referência de valores expressos na Legislação Ambiental municipal e dá outras providências.

Sessão Extraordinária

Segue as proposições aprovadas durante a Sessão Extraordinária realizada na quinta-feira, dia 14 de dezembro.

Aprovado por maioria, com a ausência do vereador Marcos Dallmann, em única discussão e votação, o Projeto de Lei Ordinária nº 2799/2017, de autoria do Executivo: Concede repasse financeiro para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Pomerode - Apae, e dá outras providências.

Aprovado por maioria, com a ausência do vereador Marcos Dallmann, em única discussão e votação, o Projeto de Lei Ordinária nº 2800/2017, de autoria do Executivo: Concede repasse financeiro para o Corpo de Bombeiros Voluntários de Pomerode, e dá outras providências.

Aprovado por maioria, com a ausência do vereador Marcos Dallmann, em única discussão e votação, o Projeto de Lei Ordinária nº 2801/2017, de autoria do Executivo: Concede repasse financeiro à Associação Hospitalar e Educacional de Pomerode - Hospital e Maternidade Rio do Testo, e dá outras providências.

Aprovado por maioria, com a ausência do vereador Marcos Dallmann, em única discussão e votação, o Projeto de Lei Ordinária nº 2802/2017, de autoria do Executivo: Concede repasse financeiro para o Centro de Convivência Pommernheim, e dá outras providências.

Aprovado por maioria, com a ausência do vereador Marcos Dallmann, em única discussão e votação, o Projeto de Lei Ordinária nº 2803/2017, de autoria do Executivo: Concede repasse financeiro para a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Pomerode, e dá outras providências.

Aprovado por maioria, com a ausência do vereador Marcos Dallmann, em única discussão e votação, o Projeto de Lei Ordinária nº 2804/2017, de autoria do Executivo: Firma convênio com a Fundação Cultural de Pomerode, e dá outras providências.

Aprovado por maioria, com a ausência do vereador Marcos Dallmann, em única discussão e votação, o Projeto de Lei Ordinária nº 2805/2017, de autoria do Executivo: Autoriza o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto de Pomerode - Samae, a receber doação espontânea em favor da R.F.C.C. - Rede Feminina de Combate ao Câncer de Pomerode, através da fatura de consumo de água.



Veja também:
Galeria de fotos: 1 fotos
Créditos: Divulgação









Publicidade

  • f782967c3aaf9debcc3e55baaade247c.jpg