Segunda-Feira, 22 de Julho de 2019

facebook_icon

Hoje: Máx 26Cº / Min 15°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Representando Pomerode e SC em nível nacional

Desde o começo deste a ano, as escolas da rede pública de Pomerode passaram a ter, em sua grade curricular, aulas optativas de robótica, no contra turno escolar. Até o momento, seis escolas já estão tendo as atividades da disciplina

8ec1489ca44612e99bd9936d15ddc6b6.jpg Foto: Raphael Carrasco / Jornal de Pomerode

Desde o começo deste a ano, as escolas da rede pública de Pomerode passaram a ter, em sua grade curricular, aulas optativas de robótica, no contra turno escolar. Até o momento, seis escolas já estão tendo as atividades da disciplina. 

E, para quem começou a colher os frutos neste ano, o resultado já veio logo. Neste último sábado, dia 27 de abril, foi realizado a Robotics Experience Pomerode, organizado pela Robomind Brasil, responsável pela distribuição das peças e dos motores usados para a montagem dos robôs. Ao todo, 16 equipes participaram do evento, que iniciou às 8h e seguiu até às 12h, no Ginásio Ralf Knaesel.

Após uma série de provas e muita tensão, duas equipes se consagraram vencedoras. A Delta Minds, formada pelos alunos Alice Lisenberg, Sofia Sousa Lidner, Juliana de Oliveira Corrêa, Gustavo Koch Andreatta, Bernardo Max Oliveira, e Indianora de Lara Canalli, da E.B.M. Olavo Bilac, de Testo Central; e a equipe JetFire CB, da E.E.B.M. Prof.Curt Brandes, com os estudantes Heron Eskelsen de Oliveira, Sara Sommer Zwang, Juan Gabriel Vanderlinde, Kauan Abegg e Arthur Augusto Dahlke, irão representar Pomerode, na etapa nacional da Robotics Experience, que ocorre no dia 25 de maio, na Vila Germânica, em Blumenau. Além deles, tutores, que só poderiam ser algum familiar de um dos alunos, ajudaram a dar aquele incentivo extra aos participantes.

Fizemos a mesma pergunta aos dois grupos das escolas, sobre a tensão passada durante as provas. 

“Foi um nervosismo só (risos). Nós temos que programar corretamente o robô, para que ele possa percorrer o caminho e fazer exatamente o que a prova manda. Até acertarmos todos os pontos e fazer com que o robô faça exatamente o que foi pedido, leva paciência e demanda cálculos”, explicam os alunos participantes. 

 

A professora de Ciências da Olavo Bilac, Cristina Tavares de Oliveira, que também é mãe da aluna Juliana, foi tutora dos estudantes que conseguiram alcançar o posto mais alto do campeonato. Ela fala sobre a sensação de ser uma “mãezona” dos alunos.

“Foi muito diferente. Na sala de aula, a gente ensina eles em um ambiente mais tranquilo e ali, naquela ocasião, foi um momento de torcedora, passar as vibrações e palavras de incentivos para eles, como se fosse uma treinadora. A experiência foi incrível e estarei com eles, novamente, na etapa nacional, para incentivar ainda mais esses jovens”, comenta a professora.

Kátia Botelho Correa, diretora da Curt Brandes, ressalta a importância das aulas de robótica terem sido difundidas em algumas escolas da rede pública de Pomerode.

“As aulas práticas de robótica fazem com que esses estudantes tenham conhecimento das disciplinas exatas, como Matemática e, até mesmo, a Física. Isso, depois, eles vão aplicar nas salas de aula e, também, nas provas dessas matérias. E, com a prática, eles acabam aprendendo muito mais do que dentro da sala”, ressalta a diretora.

Já o secretário de Educação e Formação Empreendedora, Jorge Buerger, explica que a primeira edição do Robotic Experience, em Pomerode, é uma coroação ao projeto de implementação das aulas de robótica, nas escolas municipais de Pomerode.

“Tudo isso começou com a Neuzi e o prefeito Ércio, que resolveram trazer este projeto para Pomerode. A cidade não podia estar desconectada desta tecnologia mundial, já que a robótica difundida na educação é uma realidade, pois ela torna o ensino dos alunos mais interessante, motiva eles a buscar mais o conhecimento de informática, além de promover o trabalho em equipe, fundamental para o futuro desses jovens”, complementa.

Como dito no começo desta matéria, o evento nacional ocorrerá no dia 25 de maio, em Blumenau, e terá como tema norteador a Indústria 4.0. O objetivo geral deste evento é estimular os estudantes a usar a tecnologia e seus recursos como ferramenta para a transformação positiva da realidade, aplicando os conhecimentos adquiridos durante as aulas de robótica educacional. Para isso, o evento irá oportunizar diferentes experiências no mundo da robótica educacional.

 



Galeria de fotos: 3 fotos
Créditos: Raphael Carrasco / Jornal de Pomerode Raphael Carrasco / Jornal de Pomerode Raphael Carrasco / Jornal de Pomerode
Veja também: