Jornal de Pomerode
Versão impressa


int(63672)

Pomerodense assume Comitê de Beach Tennis

Larissa Boechat Goede é a nova coordenadora nacional da modalidade. Também foi criado um Comitê com a presença de atletas profissionais e amadores para auxiliar em questões técnicas.

b19ce4c430aa9bdacaeec3be5596c098.jpg Foto: Divulgação

Preocupada em unir esforços para contribuir para a evolução de todas as modalidades, a Confederação Brasileira de Tênis (CBT) anunciou na quinta-feira, dia 04 de janeiro, algumas mudanças significativas no Beach Tennis brasileiro. O holandês Edwin Suikerbuik deixou a coordenação nacional da modalidade e a pomerodense Larissa Boechat Goede assumiu o cargo. Também foi criado um Comitê com a presença de atletas profissionais e amadores para auxiliar em questões técnicas e no planejamento da nova gestão.

Além da própria Larissa, o Comitê de Beach Tennis contará com os campeões mundiais Joana Cortez e Vini Font, com Gabriel Farah, diretor de Beach Tennis da Federação Paranaense, e com Marília Câmara, ex-integrante da Federação Cearense de Beach Tennis. A ideia é aproximar o departamento de Beach Tennis da CBT dos atletas da modalidade. “É uma grande honra e uma grande responsabilidade assumir o Departamento. O Beach Tennis é o esporte que mais cresce no Brasil e precisamos ter um planejamento adequado. A criação do Comitê é justamente para tentar aproximar os atletas da modalidade e os organizadores de evento da CBT para trabalharmos em prol do esporte. Também gostaria de agradecer os integrantes do Comitê, que aceitaram a proposta, prontamente, e que estão empenhados e trabalhando para desenvolver e profissionalizar o Beach Tennis no Brasil”, afirma Larissa.

Além de reuniões semanais, onde serão discutidas ações de curto, médio e longo prazo, o Comitê já está em contato com diversas Federações e organizadores de eventos para estruturar o calendário de 2018 da melhor forma possível. O objetivo é que ele seja atrativo para beachtenistas profissionais e amadores, com torneios nível ITF e o desenvolvimento de um Circuito Brasileiro de Beach Tennis, que terá duas etapas e um Master, com premiação diferenciada para os melhores do ano entre os atletas filiados.

“A CBT agradece e enaltece os serviços prestados pela antiga gestão responsável pelo Beach Tennis, que foi fundamental na criação e na consolidação da modalidade no Brasil, e deposita toda sua confiança na nova coordenadoria, que assume desde já, certa de que esta contribuirá para a evolução do Beach Tennis no país”, ressalta o presidente da CBT, Rafael Westrupp.

Fonte: Departamento de Comunicação CBT

 



Tags:
Veja também:
Galeria de fotos: 2 fotos
Créditos: Divulgação Divulgação









Publicidade

  • 50b2324f0aa1127b27ce46c6d6dd7ed4.jpg