Jornal de Pomerode


Pomerode participará do Projeto Nacional de Educação Escoteira

Mais de 1.200 instituições de ensino de todo o Brasil terão a chance de interagir com crianças, adolescentes e jovens integrantes do Movimento Escoteiro, promovendo atividades que possuem um alto valor educativo. A iniciativa é parte do Projeto EducAÇÃO ESCOTEIRA, dos Escoteiros do Brasil.

ebd9ac63e89603b642427d25fd5d25cf.jpg Foto: Divulgação

Mais de 1.200 instituições de ensino de todo o Brasil terão a chance de interagir com crianças, adolescentes e jovens integrantes do Movimento Escoteiro, promovendo atividades que possuem um alto valor educativo. A iniciativa é parte do Projeto EducAÇÃO ESCOTEIRA, dos Escoteiros do Brasil, buscando fazer uma grande ação de impacto social. 

Em Pomerode, o EducAÇÃO ESCOTEIRA irá envolver os alunos da Escola Curt Brandes, durante a sua Festa Escolar com Feijoada, que será realizada no dia 20 de maio, das 10h às 12h. 
Ações simultâneas serão realizadas em diversos locais do país durante todo o sábado, todas relacionadas ao tema “Escotismo e Desenvolvimento Sustentável”. O objetivo central é proporcionar aos alunos a experiência de participar de atividades educativas de forma divertida, objetiva e atraente. 

“O Projeto EducAÇÃO ESCOTEIRA é uma excelente alternativa para alunos do nosso município aprenderem conceitos cotidianos através do Método Escoteiro. E, para os membros do movimento, que vão interagir com esses alunos, é uma oportunidade de fazer o bem, compartilhar o conhecimento que possuem e ampliar a relação com outros jovens, formando uma cadeia de aprendizagem e valores morais”, ressalta Rogério Ramos de Lima, diretor de Programas do Grupo Escoteiro Pomerano (GEP).

O método do Projeto vai de encontro, ainda, dos conhecimentos propostos pelas Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais, com uma vivência prática e que atrai os estudantes, auxiliando na assimilação e compreensão deste conteúdo. 

O Movimento Escoteiro tem por meta formar cidadãos responsáveis e ativos em sua comunidade, por isso, a importância de possibilitar a vivência das práticas escoteiras não só aos integrantes, mas para todas as crianças e jovens. 

No trabalho de 1.300 Grupos de Escoteiros no Brasil, quem sai beneficiada é a sociedade, que terá uma consciência coletiva comprometida com o desenvolvimento sustentável. 



Tags:
Veja também:
Galeria de fotos: 1 fotos
Créditos: Divulgação









Publicidade

  • 50b2324f0aa1127b27ce46c6d6dd7ed4.jpg