Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Moisés e Daniela tomam posse do governo de SC

A sessão solene começou por volta das 16h e contou com a presença do chefe do Poder Judiciário, desembargador Rodrigo Collaço; do procurador-geral de Justiça, Sandro Neis; e do agora ex-governador, Eduardo Pinho Moreira

91222789aa09ab4e4da0a470150a149c.jpg Foto: Luis Debiasi/Agência AL

Santa Catarina tem um novo governo. Com a realização da cerimônia de posse nesta terça-feira, 01 de janeiro, Carlos Moisés da Silva (PSL) e sua vice, Daniela Cristina Reinehr (PSL), assumem oficialmente o governo do estado pelos próximos quatro anos. A posse foi realizada na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) em sessão solene.

O cerimonial de posse começou com um culto ecumênico na Catedral Metropolitana de Florianópolis. Logo depois, os novos governantes se dirigiram ao Palácio Barriga Verde, acompanhados de familiares, chegando por volta das 15h20min. O novo governador fez um pronunciamento rápido e respondeu a três perguntas de jornalistas na Sala de Reuniões da Presidência.

A sessão solene começou por volta das 16h e contou com a presença do chefe do Poder Judiciário, desembargador Rodrigo Collaço; do procurador-geral de Justiça, Sandro Neis; e do agora ex-governador, Eduardo Pinho Moreira.

Pontualmente às 16h30min, após prestarem o juramento e assinarem o termo de posse, Moisés e Daniela foram declarados empossados, pelo presidente da Alesc, Silvio Dreveck (PP).

Em um discurso de 10 minutos, Moisés reafirmou compromissos de campanha: governo enxuto, conduzido por técnicos e especialistas nos cargos de primeiro escalão; combate à corrupção e aumento da transparência. Reconheceu a necessidade de fazer ajustes na folha de pagamento, de equacionar problemas na Previdência estadual. Destacou a necessidade de melhorar o gasto público e fazer a receita crescer sem o aumento de impostos.

“O recado do eleitor nas urnas se materializou na nossa vitória, que culminará com uma nova forma de governar”, disse.

Moisés fez um apelo à Assembleia. Pediu para que as disputas políticas e divergências partidárias sejam deixadas de lado. “Convido todos a servirem a um só propósito: colocar Santa Catarina em primeiro lugar. Tenho certeza que serei atendido. Há muito trabalho a ser feito e isso só será possível com a dedicação dos senhores. O que a sociedade espera é uma Santa Catarina boa não só para quem governa, mas para todos que vivem aqui, sem exceção.”

Durante mais de uma hora, Moisés e Daniela receberam os cumprimentos dos presentes à solenidade. Antes de deixar o Palácio Barriga Verde, por volta das 18 horas, eles passaram em revista à Guarda de Honra da Polícia Militar e receberam homenagens de PMs e bombeiros militares.

Por ser bombeiro militar da reserva, Moisés recebeu um banho de mangueira dos bombeiros que o aguardavam na frente do Palácio Barriga Verde. O banho de batismo é uma tradição da corporação para todos os seus membros que são promovidos.



Galeria de fotos: 2 fotos
Créditos: Solon Soares/Agência AL Agência AL
Veja também:









Publicidade

  • 
    50b2324f0aa1127b27ce46c6d6dd7ed4.jpg