Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Leite materno é saúde

“Hora do Mamaço” teve como objetivo chamar a atenção para a importância da amamentação

2156591f247d0fa53920572adba5e1b4.jpg Foto: Divulgação

Como forma de encerrar as ações do Agosto Dourado em Pomerode, foi realizada no sábado, 25 de agosto, a “Hora do Mamaço”, na Praça Jorge Lacerda. A intenção do evento era chamar a atenção para a importância da amamentação. Para tanto, foram realizadas atividades como piquenique coletivo e roda de conversa, nos quais, algumas mães participantes relataram a experiência da amamentação.

Participaram da “Hora do Mamaço” cerca de 40 pessoas, entre adultos, crianças e bebês. De acordo com uma das organizadoras, Elisângela Meier, a troca de experiências pode ser de grande valia para mamães e futuras mamães. “O principal objetivo é a troca de experiências, para que nessa rede de apoio as mulheres encontrem recursos para levar a amamentação adiante”, disse.

O dia de sol criou o cenário perfeito na praça, favorecendo para que houvesse mais pessoas presentes, já que havia muitos bebês mais novos, e caso chovesse ou fizesse muito frio, talvez as famílias não tivessem saído de casa. “Ficamos imensamente felizes com a adesão das famílias, a participação de todos os envolvidos foi bem sincera. Houve muita troca de experiências e apoio mútuo”, afirmou a doula Elis.

O nutricionista da Secretaria de Saúde de Pomerode, Geliandro Fideles Ribeiro, que também foi organizador da “Hora do Mamaço”, reforçou o quanto eventos como este ajudam a conscientizar as famílias sobre a importância do leite materno na saúde das crianças, bem como, das mamães.

“Como em todos os municípios, é importante que façamos atividades de incentivo ao aleitamento materno, porque ele é o únco alimento que é perfeito para o bebê. Não existe nenhuma fórmula e leite que se assemelhe ao leite materno. Sabemos das dificuldades que as mães têm no início para amamentar. Precisamos ter esses eventos que incentivem o aleitamento e mostrar que existem profissionais na comunidade dispostos a ajudar. Fizemos roda de conversa, tiramos dúvidas em relação ao banco de leite, como buscar ajuda e falamos sobre as creches, que recebem o leite materno, para armazenar e oferecer ao bebê, caso a mãe trabalhe”, explicou o nutricionista.

O aleitamento previne alergias, infecções e mantém a saúde mais forte. Ele também ajuda a prevenir doenças que possam aparecer no futuro, como obesidade, diabetes do tipo 2. Para a mãe, ajuda que ela volte mais rápido ao seu peso normal e,também, previne o câncer de mama, que é frequente entre as mulheres.

Os organizadores também ressaltam que é importante que a comunidade pomerodense participe de eventos como esse para, cada vez mais, haver esclarecimentos sobre o assunto. “Amamentar, na sociedade atual, é um ato de enorme dedicação. É necessário muita determinação para não sucumbir à publicidade da indústria das fórmulas de alimentação infantil. A capacidade da mulher amamentar a cria é constantemente colocada em dúvida e estar cercada de pessoas que conheçam, de verdade, o processo de amamentação, vai contribuir para o sucesso em todo processo”, afirmou Elisângela.

Devido à relevância do assunto, outros eventos devem ser organizados para que se continue a falar sobre amamentação. Outros encontros terão o objetivo de aproximar as mães, para que a rede de apoio cresça e as mulheres tenham orientações fundamentadas em evidências científicas. Os organizadores também comentam que as mães que tiverem dificuldades em amamentar, podem procurar a unidade de saúde do seu bairro, ou ainda, o banco de leite, em Blumenau, onde receberá ajuda.

“Uma mensagem para quem está amamentando ou vai amamentar: em caso de dúvidas ou dores, busque ajuda. Diz o adágio popular que é necessário uma aldeia para criar um filho. Estamos por perto, busquem ajuda. Nas unidades de saúde da família, no banco de leite, com doulas, com outras mulheres que amamentam. Saibam que não estão sozinhas. Vale a pena continuar. É a escolha mais saudável”, finalizou a doula.

 



Galeria de fotos: 1 fotos
Créditos: Divulgação
Veja também:









Publicidade

  • 
    50b2324f0aa1127b27ce46c6d6dd7ed4.jpg