Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Gilson Marques é eleito Deputado Federal

O candidatado do partido NOVO fez mais de 27 mil votos, garantindo uma vaga para 2019, em Brasília

c8028e7cfaa4241e179bc8eab3422944.jpg Foto: Divulgação

No último domingo foram realizadas as eleições 2018. Com a disputa pelo pleito de Deputado Federal, um pomerodense garantiu sua vaga para representar a cidade e o Vale do Itajaí. Gilson Marques, do Partido NOVO, se elegeu com 27.433 votos e irá assumir o cargo de Deputado Federal, em Brasília, a partir de 2019. 

Nossa equipe acompanhou de perto a festa em comemoração à eleição de Marques. Com a família, amigos e apoiadores, agradeceu o auxílio de todos os voluntários que se engajaram durante toda a campanha.

“Nossa campanha foi toda feita sem recursos públicos. Só tenho a agradecer aos voluntários que nos ajudaram a conquistar essa vaga em Brasília. Foi por causa deles que conseguimos os votos e o respeito da população em geral. Não posso deixar de agradecer a todos que votaram e acreditaram em minha pessoa, com certeza irei representar todos vocês”, afirma Gilson.

Dois dias depois da euforia, o JP retomou o contato com o novo Deputado Federal, para falar sobre as suas projeções para 2019.  Perguntado sobre as expectativas para o ano que vem, Marques espera fazer o melhor de si.

“Já neste meu primeiro ano, quero dar o melhor de mim. Pretendo lutar pelo enxugamento de cargos ministeriais, denunciar as mordomias, como por exemplo, auxílio paletó, motorista particular e entre outros benefícios que trazem prejuízo para as máquinas públicas. Com isso, tentarei trazer mais recursos para a saúde, educação e segurança pública”, comenta.

Sobre as prioridades, Gilson pretende trazer mais recursos para Santa Catarina.

“O Governo precisa cumprir bem suas obrigações com segurança, saúde e educação, e parar de se meter no que não deve. Santa Catarina entrega, todo ano, 50 bilhões de reais ao Governo Federal e recebe de volta somente nove.  É hora de mudarmos essa conta e enxugarmos essa máquina, para que você não precise mais trabalhar cinco meses por ano, só para sustentar o poder público”, explica.

Questionado sobre os desafios durante a caminhada em Brasília, Marques explica que o maior de todos já está sendo notado agora, na questão do contato com o público.

“O desafio é a adaptação. Queria poder agradecer todo mundo, estou recebendo várias mensagens e queria poder responder todas, mas é humanamente impossível. É uma coisa de louco esse retorno positivo das pessoas, o carinho e a torcida pelo meu futuro trabalho. Quero usar o jornal para mandar um grande beijo para todos que votaram em mim e dizer que irei ‘arregaçar as mangas’ para buscar todos os recursos para Pomerode e o Vale do Itajaí”, declara.

Rafael Ramthun 

Agradeço todas as pessoas que confiaram em mim. Saio feliz pela votação, pelo reconhecimento, pelo trabalho que já realizamos pela cidade e fora também. Gratidão imensa por ter tentado, afinal, como todos sabem, não sou político e estou feliz com o número de votos que nós fizemos. Agora, quero continuar dando prosseguimento ao trabalho que faço na saúde, no esporte e outros setores. O futuro a Deus pertence, mas se houver o apoio da população, quem sabe posso voltar a me candidatar em 2020. Mais uma vez, obrigado, Pomerode!

Rafael Pfuetzenreiter

Só temos a agradecer todos os votos de confiança. Infelizmente não chegamos ao nosso objetivo, mas nosso trabalho foi sempre pautado na transparência. Com toda a certeza, aprendi muito nessa caminhada. Agora, tenho mais dois anos de mandato como vereador e irei dar prosseguimento ao trabalho. Não tenho nenhum projeto à frente, em mente, pois agora o que quero priorizar é esse mandato na Câmara e a minha família. Novamente, agradeço de coração todos os eleitores!

 

Você pode acompanhar mais sobre o Deputado Federal aqui

 



Veja também:









Publicidade

  • 
    eb224b55631b8f403d168a912e1f6fb6.jpg4b580c53dad677f2141dea5ad908465d.jpg