Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Garoto de 12 anos morre eletrocutado em riacho de Indaial

De acordo com os Bombeiros Voluntários, a criança sofreu uma parada cardiorrespiratória. A equipe, no local, tentou reanimá-lo durante o trajeto até o Hospital Beatriz Ramos, localizado no centro da cidade, porém, ele não resistiu e morreu na unidade. A área do acidente continua isolada para perícia

ebda816e58acb97d0cf08c7d43588687.jpg Foto: Divulgação

A semana começou com uma notícia ruim em Indaial. Um menino, de 12 anos, morreu após receber uma descarga elétrica no Warnow, por volta das 16h de domingo, dia 02 de dezembro. O garoto andava de bicicleta e foi eletricutado quando passava em um riacho com um fio de energia solto. 

De acordo com os Bombeiros Voluntários, a criança sofreu uma parada cardiorrespiratória. A equipe, no local, tentou reanimá-lo durante o trajeto até o Hospital Beatriz Ramos, localizado no centro da cidade, porém, ele não resistiu e morreu na unidade. A área do acidente continua isolada para perícia. 

Em nota, a Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) afirmou a espera pela conclusão do inquérito policial, que apura as causas do acidente. 

O que fazer

Para que casos como estes sejam evitados, algumas ações podem ser tomadas. 

Ao ver um fio elétrico solto ou partido, não se aproxime e não deixe que outras pessoas cheguem perto, pois pode estar energizado. Imediatamente, comunique a empresa responsável pelo serviço. 

Além disso, nuncatoque em instalações elétricas ou aparelhos quando estiver com as mãos, pés ou as roupas molhadas.

Em casa, não deixe a fiação ao alcance das crianças e dos animais de estimação.

Se avistar uma vítima levando um choque, não toque nela. Antes, corte ou desligue a fonte de energia. Chame um ambulância, ligando para o 193. 



Veja também:









Publicidade

  • 
    eb224b55631b8f403d168a912e1f6fb6.jpg4b580c53dad677f2141dea5ad908465d.jpg