Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Dois casos de lesão corporal são registrados no fim de semana

Durante o fim de semana, diversas ocorrências foram atendidas pela Polícia Militar de Pomerode, entre as quais podemos destacar casos de Lei Maria da Penha e posse de drogas

dd7a657f4b64d2c8d8b4b014fe9ff881.jpg Foto: Giovanni Silva

A primeira ocorrência atendida no fim de semana foi no sábado, 06 de abril, por volta das 10h30min, na Av. 21 de Janeiro. De acordo com informações do relatório, os policiais realizavam abordagens a ambulantes, quando consultaram o nome de um deles e constataram que havia um mandado de busca e apreensão em seu desfavor e que o indivíduo não teria se apresentado a Comarca de Navegantes para depoimento.

O homem, que é maior de idade, se comprometeu a comparecer na Comarca de Navegantes, no primeiro dia útil posterior o compromisso assinado. Os policiais levaram o indivíduo à Delegacia de Polícia Civil, onde foi feito contato com plantão do Fórum de Navegantes.

Já por volta das 13h51min, um homem foi flagrado em posse de drogas, na Rua Jerusalém, no Centro. Segundo informações da PM, a guarnição realizava policiamento ostensivo próximo à Osterfest, quando se deparou com o homem em atitude suspeita. Foi realizada a abordagem e revista pessoal, foi encontrado um torrão de maconha de 17,8 gramas. Diante do flagrante do delito, a guarnição apreendeu a droga, lavrou um Termo Circunstanciado e compromissou o autor para audiência no Fórum da Comarca de Pomerode.

Ainda no sábado, uma ocorrência de lesão corporal leve foi registrada na Rua dos Atiradores, Centro, por volta das 19h20min. Os policiais atuavam na Osterfest, quando foram procurados por um segurança do evento, que relatou uma agressão a mulher. No local, foi feito o contato com o casal que protagonizou a discussão. Os dois confirmaram a briga e que o homem deu um tapa no rosto da companheira. A vítima não quis representar e foi orientada sobre o prazo de seis meses para representar contra o autor. Diante do fato comunicado, da negativa de representação, foi lavrado a ocorrência para registro do fato.

Por fim, por volta das 00h, foi registrado um caso de violência doméstica e ameaça na cidade.  Segundo as informações da Polícia Militar, o filho da solicitante estava agredindo sua namorada. Chegando ao local foi conversado com a vítima relatou que o companheiro chegou em casa bastante alterado, com os olhos vermelhos e odor etílico e que partiu para cima dela, agredindo-a com socos e puxões de cabelo. Ela também afirmou que a ameaçou de morte e que o motivo seria ciúmes. O suspeito não estava mais no local quando a guarnição chegou. Foi lavrado o Boletim de Ocorrência e a vítima foi orientada.



Veja também:









Publicidade

  • 
    eb224b55631b8f403d168a912e1f6fb6.jpg4b580c53dad677f2141dea5ad908465d.jpg