Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Da Alemanha para a Pequena Alemanha

Casal de alemães está percorrendo a América do Sul e resolveu parar em Pomerode para conhecer a Cidade Mais Alemã do Brasil. Depois de Blumenau, Thomas e Chris pretendem ir para o Norte de Santa Catarina, percorrer São Paulo e Rio de Janeiro, até chegar ao Nordeste brasileiro

cf6bc09b01705484e57eade770615526.jpg Foto: Raphael Carrasco/JP

Imagina poder viajar pelo mundo e conhecer várias culturas ao redor do planeta. Isso pode ser o sonho de muitos amantes do turismo. Mas, um casal alemão resolveu largar tudo para poder conhecer vários continentes da Terra. Thomas Hentzschel e Christin Behle viajam desde 2009, mas só a partir de 2016 que decidiram abrir mão dos empregos para dedicar o tempo às viagens. 

Desde então, estão percorrendo a América do Sul, de motorhome. O veículo foi despachado, via navio, no final de 2016, no Porto de Hamburgo. O casal é natural de Lemgo, norte da Alemanha, e saiu de lá para conhecer vários países sul-americanos. Tudo começou pelo Uruguai, primeiro destino do motorhome, após sair de terras alemãs. De lá, partiram para a Argentina, Chile, até chegar ao sul do Brasil. Aqui, em solo brasileiro, Thomas e Chris conheceram as Serras Gaúchas, o Pantanal na região Centro-Oeste e as Cataratas do Iguaçu, no Paraná.

Foi aí que tiveram a ideia de conhecer a nossa Santa Catarina. Começando pelo Litoral Sul, o casal passou pela capital catarinense, Florianópolis e tiveram uma rápida passagem pelas praias de Porto Belo, Bombinhas, Itajaí e Balneário Camboriú.

Do litoral, resolveram partir para o Vale do Itajaí, escolhendo Pomerode para passar alguns dias. Aqui, na “Nossa Pequena Alemanha”, o casal aproveitou para prestigiar a comemoração dos 50 anos do Grupo Folclórico Alpino Germânico, no Pavilhão de Eventos, já que estacionaram o motorhome no parque.

Thomas conta que ficou impressionado com a organização da cidade e a beleza das edificações, tal como, a preservação da cultura germânica.

“Ficamos maravilhados com toda a organização que Pomerode tem, a sua arquitetura germânica que está bem preservada, a limpeza da cidade, além do receptivo acolhimento dos moradores daqui. Ah! A cerveja daqui é muito boa, também! Realmente, em certos aspectos, é bem similar às cidades da Alemanha”, ressalta.

Depois de conhecerem os pontos turísticos da cidade, o casal partiu para Blumenau, para curtirem a Oktoberfest. Perguntados sobre a diferença da festa original, realizada em Munique, os dois não souberam responder.

“Olha, é um boa pergunta. Cada festa tem suas características, portanto, não dá para comparar. Porém, a ‘Oktober’ brasileira também é divertida e empolgante”, comenta.

Depois de Blumenau, Thomas e Chris pretendem ir para o Norte de Santa Catarina, percorrer São Paulo e Rio de Janeiro, até chegar ao Nordeste brasileiro.

 



Veja também:









Publicidade

  • 
    eb224b55631b8f403d168a912e1f6fb6.jpg4b580c53dad677f2141dea5ad908465d.jpg