Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Contador: fundamental para tomadas de decisões

Profissionais da área trabalham sempre para auxiliar na parte burocrática de empresas

a033f6a36098ab3b569063632a655341.jpg Foto: Divulgação

Homenagear profissionais que se dedicam a deixar todas as contas de pessoas e empresas em dia. Este foi o intuito do senador e Patrono dos Contabilistas, João Lyra, ao instituir o Dia do Contabilista Brasileiro para ser comemorado no dia 25 de abril anualmente. A data foi oficialmente reconhecida a partir de 23 de maio de 1979, no Estado de São Paulo. Ela foi sugerida como forma de homenagear Lyra, que conseguiu grandes avanços para a categoria no Senado Federal.

Aos poucos, as comemorações do Dia do Contabilista foram ganhando força em todos os estados, até que a data se tornou nacional. Hoje, o dia 25 de abril é utilizado pelas várias entidades representativas do meio contábil e pelas escolas como forma de refletir sobre o presente e o futuro da contabilidade no Brasil. 

Em Pomerode, são diversos os bons exemplos de profissionais capacitados que atuam com o ramo de contábeis. Um destes bons exemplos é o contador Daniel Charles Strutz, de 41 anos, que atua na Germania Contabilidade. 

O profissional tem 25 anos de experiência no ramo das ciências contábeis. A relação com a profissão, segundo Strutz, começou já aos 16 anos de idade. “Com esta idade, comecei a trabalhar com contabilidade. Na época, surgiu uma oportunidade de trabalho nessa área e eu aceitei. Desde lá, nunca mais mudei de ramo. Estudei e me formei em Ciências Contábeis e, hoje, tenho meu próprio negócio”, conta.

Desde sempre, segundo o contador, o que mais o encanta na profissão são os números e o que eles podem representar. “O contador é uma das figuras mais importantes na estrutura de uma empresa. Cada contratação, tomada de decisão, planejamento estratégico ou investimento feito por uma companhia envolve, necessariamente, a atuação de um profissional de contabilidade. Ele tem em suas mãos as informações necessárias para gerenciar a vida financeira de um negócio e auxiliar os administradores no desempenho de suas tarefas”, defende o profissional.

 

História da profissão

A ciência contábil é mais antiga do que imaginamos. De fato, a história da contabilidade revela que esta ciência era utilizada desde os primórdios pelos mais diversos povos para fins de se controlar o estoque (inventário) de uma pessoa ou um grupo de pessoas de uma mesma região. Esses povos contavam por meio de pedrinhas, cada uma representava um rebanho. Nesta época a contabilidade também era representada por meio de desenhos rupestres pintados nas paredes das cavernas.

Com o enriquecimento da civilização, a contabilidade avançou de acordo com cada povo e sua cultura. 

A ciência avançou nessa época em grande parte devido à expansão do capitalismo. Este avanço também está relacionado com os progresso da matemática e dos cálculos financeiros. A profissão contábil, então, iniciou a se estabelecer como uma ciência autônoma.

Vivemos hoje o chamado “período contemporâneo”, onde a ciência contábil já é sólida em teoria e prática no mundo inteiro.

Atualmente, as Normas Internacionais de Contabilidade (International Accounting Standard, IAS) representa o próximo nível da contabilidade: padronização para que esta ciência possa ser interpretada independente do país onde a informação é produzida, atendendo aos anseios do mundo globalizado.

A contabilidade é uma ciência milenar e repleta de acontecimentos históricos no Brasil e no mundo. As atribuições do profissional da contabilidade deixaram de ser apenas o registro dos fatos para se tornar protagonista na tomada de decisões das grandes corporações e governos do mundo.



Galeria de fotos: 2 fotos
Créditos: Divulgação Arquivo/JP
Veja também:









Publicidade

  • 50b2324f0aa1127b27ce46c6d6dd7ed4.jpg