Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Colorindo os céus de nossa cidade

Falta pouco. Entre os dias 12 e 14 de outubro, a cidade de Pomerode vai receber pilotos de todo o Brasil, que participarão da 3ª edição do Saia Para Voar, considerado o maior encontro feminino de Voo Livre do mundo. As decolagens acontecerão no cume do Morro Azul.

f76826ae6a9f9c6c92f3382ed2621b98.jpg Foto: Manu Rodrigues

Falta pouco. Entre os dias 12 e 14 de outubro, a cidade de Pomerode vai receber pilotos de todo o Brasil, que participarão da 3ª edição do Saia Para Voar, considerado o maior encontro feminino de Voo Livre do mundo. O evento, cujas decolagens acontecerão no cume do Morro Azul, será realizado com apoio do Clube Pomerano de Parapente (CPP) e da Prefeitura Municipal.

A incansável equipe de pilotos, que esse ano é fortalecida com o time masculino da diretoria do CPP, representada por Rafael Santos e Emerson Costa, está nos preparativos finais para o evento e é formada por Pri Saran (Sta. Rita do Sapucaí-MG), Raquel Canale (Curitiba-PR), Domênica Tcacenco (Caxias do Sul-RS), Marcinha Finelli (Palmas-TO), Inahiá Castro (São Paulo-SP), Wanise Silva (Cotia-SP), Wanessa Martins (Barueri-SP) e Elisa Eisenlohr (Rio de Janeiro-RJ).

“A expectativa está muito grande, afinal, estamos perto de 100 inscritas para o evento. Mas, com certeza, vamos passar desse número, pois algumas irão se inscrever na hora. E a receptividade por parte de todos é a melhor possível. Contamos com o apoio da Prefeitura Municipal e do Clube Pomerano de Parapente, e se não fosse essa ajuda, não conseguiríamos fazer o Saia Para Voar em Pomerode”, destaca Inahiá, piloto de parapente há 25 anos.

Ainda segundo ela, as duas edições anteriores aconteceram na região Sudeste, por isso, este evento em Pomerode é um passo muito importante na divulgação da modalidade. “Esse era o projeto inicial do Saia Para Voar, que ele acontecesse, a cada ano, em uma rampa diferente do Brasil. E como se trata de um esporte amador, o apoio é fundamental”, acrescenta.

A programação será bastante ampla, com provas nos dias 12 (sexta-feira) e 13 (sábado), e premiação no domingo, dia 14. Além disso, haverá passeios para a Oktoberfest, em Blumenau, Sol Paragliders (Jaraguá do Sul) e tour fly pelas rampas de Jaraguá do Sul, Gaspar e Rio dos Cedros.

O mês de outubro não foi escolhido por acaso para sediar o evento. “Estamos no início da Primavera, que é a estação que oferece melhores condições climáticas para a prática do Voo Livre. Somado a isso, aproveitamos sempre o feriado de 12 de outubro para termos um dia a mais para o evento e, sim, em todas as edições anteriores, fizemos ações de conscientização sobre a importância da prevenção contra o câncer de mama, aproveitando o ensejo do Outubro Rosa”, destaca Inahiá.

Segundo o vice-presidente do CPP, Emerson Costa, participar de um evento desta grandeza, em nível nacional, é um desafio muito bacana.  “Isso mostra o resultado do nosso trabalho em prol o Voo Livre, bem como, evidencia, tanto o Clube Pomerano de Parapente, quanto a cidade de Pomerode. Mesmo sendo um evento destinado a voadoras, traz, também, a participação de pilotos masculinos. Além disso, a data escolhida é especial, pois combina três comemorações: Dia das Crianças, Outubro Rosa e o encontro das meninas voadoras do Brasil. Conciliar todos esses objetivos, no foco do evento, está sendo para nós, da organização, um aprendizado enorme, pois são muitos os detalhes. E com o apoio total da Prefeitura, sei que faremos um evento singular”, destaca.

As inscrições podem ser feitas aqui . Para mais informações, acesse as redes sociais do Saia Para Voar.



Tags:
Veja também:









Publicidade

  • 
    50b2324f0aa1127b27ce46c6d6dd7ed4.jpg