Jornal de Pomerode


CNH será cartão com chip até 2019

O formato do cartão “inteligente” será semelhante a um cartão de débito ou crédito convencional, com o chip e gravação a laser dos dados do motorista titular. O novo modelo de CNH objetiva reduzir o número de fraudes e tornar o documento mais durável

de3b58b21c8a844144a3578475e9fee2.jpg Foto: Divulgação/Denatran

A Carteira Nacional de Habilitação (CNH), terá o seu formato alterado a partir de 2019. De acordo com o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o formato em papel será abandonado e a carteira vai virar um cartão de plástico com um microchip, que terá as informações sobre o motorista.

O formato do cartão “inteligente” será semelhante a um cartão de débito ou crédito convencional, com o chip e gravação a laser dos dados do motorista titular.

O Ministério das Cidades afirmou que o novo modelo de CNH objetiva reduzir o número de fraudes e tornar o documento mais durável. Ter a CNH com o microchip também facilitará a integração com outros países.

Outra novidade é que ele poderá, futuramente, tornar-se mais “universal”, podendo servir para pagamento de pedágios ou de transporte público em ônibus e metrôs, além de controle de acesso a prédios públicos e identificação biométrica, com cadastro das digitais no chip. Tais funcionalidades poderão existir por meio de convênios entre instituições públicas ou privadas, mas sempre com autorização do Denatran.

Os Departamentos de Trânsito estaduais têm até o dia 01 de janeiro de 2019 para se adaptar ao novo modelo, de acordo com uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que será publicada ainda nesta semana.

A Carteira Nacional de Habilitação já havia passado por mudanças recentemente. No mês de janeiro de 2017, ela passou a ser emitida com um novo design, com mais itens de segurança, marcas d’água e itens holográficos. Em maio ele também recebeu o QR-Code, que permitia a checagem dos dados do motorista com a câmera do smartphone.

O formato de cartão foi recomendado ao Ministério das Cidades após ume estudo realizado pela Universidade de Brasília (UNB)

Para quem já possui o documento válido em papel, não será obrigado a fazer a troca, que ocorrerá automaticamente no momento em que fizer a renovação da carteira



Tags:
Veja também:
Galeria de fotos: 2 fotos
Créditos: Divulgação/Denatran Divulgação/Denatran









Publicidade

  • 50b2324f0aa1127b27ce46c6d6dd7ed4.jpg