Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Casa & Construção: Detalhes planejados

A coluna de hoje vai falar sobre um assunto que valoriza, ainda mais esteticamente, seus espaços e que pode ser facilmente modificado na sua casa ou escritório: a iluminação em móveis planejados. Todos sabem que uma marcenaria bem feita traz inúmeras possibilidades de aproveitamento dos espaços

25040da7b537576ef55fa8f0a7a1eddb.jpg Foto: Divulgação

A coluna de hoje vai falar sobre um assunto que valoriza, ainda mais esteticamente, seus espaços e que pode ser facilmente modificado na sua casa ou escritório: a iluminação em móveis planejados. Todos sabem que uma marcenaria bem feita traz inúmeras possibilidades de aproveitamento dos espaços, traz muito mais funcionalidade, organização e uma valorização visual do seu ambiente. Mas você sabia que a iluminação nesses móveis pode valorizá-los ainda mais?

Pode trazer aquela sensação extra de conforto que, de repente, você está sentindo falta? Ao contratar o seu arquiteto ou designer de interiores para fazer a sua marcenaria planejada, ele já poderá especificar todos esses detalhes durante a fase de detalhamento e especificação dos móveis. Porém, caso seu móvel já esteja instalado, também é possível adaptar ou trocar peças e instalar uma iluminação poderosa.

O mercado oferece várias opções de luminárias para esse fim - de embutir, de sobrepor, fitas e mangueiras de luz ou, ainda, acessórios que já possuem iluminação embutida, tais como cabideiros e alguns tipos de gavetas. O uso de lâmpadas e luminárias em LED para o uso em móveis é o ideal, pois são de grande durabilidade, possuem opções de cores variadas e ainda não esquentam, garantindo a sua segurança.

As opções de embutir podem ser com spots (normais ou mini) ou luminárias lineares. Para a instalação delas, é necessário fazer um corte na peça para o encaixe da luminária. Geralmente, são utilizadas em bancadas, prateleiras ou estantes para um destaque ou iluminação pontual. As opções de sobrepor, não necessitam de recorte nas peças de madeira ou MDF, porém, ficam com toda a sua estrutura aparente, sendo comumente usadas no modelo linear ou do tipo arandela, criando uma iluminação indireta.

As opções lineares ou em fita/mangueira são geralmente usadas com o efeito indireto, necessitando de peças adicionais em madeira para conseguir este efeito, ou podem, ainda, ser coladas em rebaixos realizados na própria marcenaria. No dia a dia, podemos vê-las como iluminação na base de prateleiras, base de camas ou atrás de painéis. 

Independente do modelo de luminária escolhida para a valorização do seu móvel, a contratação de um arquiteto ou designer é imprescindível. Apenas ele poderá fazer a avaliação da parte elétrica existente no local, garantindo que a nova proposta de iluminação possa ser feita e, principalmente, para a realização do projeto e detalhamento da marcenaria antiga (ou totalmente nova!) e da nova proposta de ampliação e iluminação. Foco na beleza e mãos à obra!

 



Galeria de fotos: 5 fotos
Créditos: Divulgação Divulgação Divulgação Divulgação Divulgação
Veja também:









Publicidade

  • 
    eb224b55631b8f403d168a912e1f6fb6.jpg4b580c53dad677f2141dea5ad908465d.jpg