Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Cartório Eleitoral realiza 320 atendimentos no plantão

Local efetuou plantão no último final de semana de abril e dos dias 05 a 09 de maio, a fim de atender à demanda.

45e22d4123ac1cee8ea0388d49e1af3c.jpg Foto: Matheus Martins/JP

Encerrou-se na quarta-feira, 09 de maio, o prazo para quem precisava atualizar informações ou fazer o título de eleitor para as Eleições 2018. Também era o prazo limite para a população fazer o cadastramento biométrico, mesmo que a biometria ainda não seja obrigatória na cidade nestas eleições. 

Para atender à demanda, que se intensifica próximo do fim do prazo, o Cartório Eleitoral de Pomerode, localizado no Fórum, organizou e realizou plantão nos dias 28 de abril e 05 de maio, e de 07 a 09 de maio, atendendo, também, no período da manhã. 

Nestes dias, foram realizados, ao todo, 320 atendimentos, sendo que o dia de maior movimento foi o dia 09, com 203 pessoas que tiveram suas solicitações atendidas. De acordo com o chefe do Cartório Eleitoral de Pomerode, Rafael Leon Menezes Sanches, o regime de plantão foi positivo. “Tivemos excelente comparecimento dos eleitores, principalmente, aqueles impossibilitados de vir para atendimento durante a semana”, destaca Sanches. 

Outro ponto positivo para o grande número de atendimentos realizados foi a possibilidade de agendamento do horário, que a população poderia fazer através do site do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catariana (TRE-SC). “O agendamento de horário ajudou muito o atendimento na medida em que possibilitou ao Cartório Eleitoral prever e organizar os atendimentos de acordo com a demanda prevista para o dia. O agendamento foi mais utilizado por eleitores com restrição de horário para comparecimento e com acesso a informação e internet”, pondera.

Cadastramento biométrico 

Objetivando diminuir os riscos de fraude e garantir que somente o eleitor efetue o seu voto, desde 29 de junho de 2017, o Cartório Eleitoral da cidade começou o cadastramento biométrico. O sistema, que já é usado em grande parte do estado, não é obrigatório no município, mas garante maior segurança e rapidez na hora de votar. 

O prazo para o cadastramento foi encerrado também na quarta-feira, dia 09, e segundo o chefe do Cartório Eleitoral, 8.720 pessoas procuraram o atendimento e cadastraram suas digitais para a eleição, o que representa 36,11% da população, e que cumpre a meta estipulada pelo TRE de ter 25% da população biometricamente cadastrada. Em Rio dos Cedros, foram cadastrados 3.264, o que representa 38,85% do eleitorado.

Segundo Sanches, em época de eleição, ainda vai haver a opção de votar mediante apresentação do título de eleitor. “Vai funcionar um sistema misto, com dois mesários, um responsável pela biometria e outro pelo processo usual”, explica. Caso ocorra uma falha no sistema biométrico, ainda existe a garantia de votar com o número do título de eleitor.

 



Veja também:









Publicidade

  • 
    50b2324f0aa1127b27ce46c6d6dd7ed4.jpg