Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Cachorrões conquista o Torneio de Verão de Indaial

Dentro de quadra, um grande confronto reuniu, no Ginásio Sérgio Luiz Petters, duas das mais tradicionais equipes da região: Loes / HLS e Cachorrões / Benvetex / Transportes Unisul, que eliminaram as favoritas equipes de Ascurra, nas semifinais do certame.

9fa2d560b5bea0e9c91f64e22f65fb33.jpg Foto: Ademir Guedes

Durante as últimas semanas, a cidade de Indaial se transformou na capital brasileira do Futsal. Devido à presença de um grande número de jogadores consagrados, alguns até com experiência internacional, o Torneio de Verão de Indaial deste ano obteve o status de “melhor de todos os tempos”. E foi neste contexto - e com “casa cheia” - que a competição teve o seu encerramento no sábado, dia 02 de fevereiro.

Dentro de quadra, um grande confronto reuniu, no Ginásio Sérgio Luiz Petters, duas das mais tradicionais equipes da região: Loes / HLS e Cachorrões / Benvetex / Transportes Unisul, que eliminaram as favoritas equipes de Ascurra, nas semifinais do certame. Com desfalques em ambos os lados, quem levou a melhor foi o Cachorrões, ao vencer seu adversário, por 3 a 1, tornando a levantar o título após 10 anos de jejum. No ano passado, a conquista, “bateu na trave”, uma vez que o time perdeu a decisão para a APF, por 7 a 1.

O primeiro tempo foi bastante estudado e com chances de gols para os dois lados. Mas um lance preocupou a todos: numa dividida com seu companheiro de equipe Cleitão, de cabeça, Rafinha cortou o supercílio e teve que ser levado ao hospital, para a realização de uma sutura, não retornando mais à partida. O Loes ainda teve a chance de abrir o placar, num tiro livre direto de William, mas a bola acabou acertando o travessão.

Na volta do intervalo, a equipes voltaram determinadas a levantar o caneco. Tanto que, logo nos primeiros minutos, quem abriu o placar foi o Loes, por meio de Duda. O gol não abalou o time dos Cachorrões, que conseguiu a virada, em duas cobranças de falta. Na primeira, Jean Gaúcho empatou. E na sequência, foi a vez de Cleitão virar, chutando praticamente do meio de quadra. E para dar números finais à partida, o camisa 10, Emerson, ainda teve tempo para deixar o seu, dando o quarto título da competição ao time indaialense.

No Cerimonial de Premiação, os melhores do Torneio de Verão foram exaltados. A defesa menos vazada foi a da JHC Esportes / Storm / Emerize Modas (Ascurra A), representada pelo goleiro Careca, que sofreu nove gols. Já a artilharia teve que ser dividida por três, uma vez que Sinoê e Cleitão (Cachorrões / Benvetex / Transportes Unisul), além de Cappa, da +Fit Academia / JHC Esportes / Premoldar Estruturas (Ascurra B), marcaram sete gols cada um. Além disso, os três primeiros colocados foram agraciados com troféus, medalhas e premiações em dinheiro.

Com a conquista, o Cachorrões igualou o Loes no número de títulos. No entanto, a extinta Colisão, com cinco troféus, continua sendo a maior campeã do Torneio de Verão de Indaial.



Galeria de fotos: 10 fotos
Créditos: Ademir Guedes Ademir Guedes Ademir Guedes Ademir Guedes Ademir Guedes Ademir Guedes Ademir Guedes Ademir Guedes Ademir Guedes Ademir Guedes
Tags:
Veja também:









Publicidade

  • 
    eb224b55631b8f403d168a912e1f6fb6.jpg4b580c53dad677f2141dea5ad908465d.jpg