Jornal de Pomerode - Associacao-socorrendo-cristaos-perseguidos-scp-faz-apresentacao-ao-legislativo-66175 
Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Associação Socorrendo Cristãos Perseguidos (SCP) faz apresentação ao Legislativo

Projeto de Lei Legislativo de autoria do vereador Amarildo da Silva, que declara de utilidade pública municipal a SCP, é aprovado durante a Sessão Ordinária. A Associação SCP é um organização não governamental, sem fins lucrativos, fundada no município de Pomerode, em 25 de maio de 2015

204952ac999d95ed88b07a3b4dcf594d.jpg Foto: Moira Porto Petrucci/Câmara de Vereadores

Na terça-feira, dia 31 de julho, os vereadores participaram de uma reunião com o presidente e coordenador da Associação SCP – Socorrendo Cristãos Perseguidos, Marcelo Damásio Pereira e com a tesoureira, Marli Ivone Toebe Pereira.

O objetivo foi apresentar a Associação aos parlamentares, em virtude do Projeto de Lei Legislativo nº 433/2018, aprovado durante a Sessão Ordinária, de autoria do vereador Amarildo da Silva, que declara de utilidade pública municipal a SCP.

A Associação SCP é um organização não governamental, sem fins lucrativos, fundada no município de Pomerode, em 25 de maio de 2015. Conforme prevê seu estatuto a instituição desenvolve ações voltadas para o amparo de defesa de direitos sociais, com alcance nacional e internacional. Sua natureza jurídica é Associação Privada. Sua atuação principal é a realização de eventos sociais com crianças, jovens, adolescentes, junto com seus familiares, onde levam lazer, educação, música, teatro e a semente da Palavra de Deus em suas vidas. A atuação internacional é no envio de recursos a pastores e missionários nos países chamados PNAs – Povos não alcançados, para investirem no trabalho infantil e na defesa dos direitos sociais das crianças e de suas famílias.

Além deste modelo de atuação ainda será implantado em Pomerode um projeto de Escola de Futebol, uma parceria com o Clube Atlético Paranaense, projeto este que foi iniciado na Índia, em junho de 2018, e que será também desenvolvido em outros países da Ásia e Oriente Médio.

O projeto é uma visão de alcance de crianças, adolescentes, jovens e suas famílias, com o objetivo de oferecer cultura, educação, lazer, integração social, evangelismo, desenvolvimento da ética e de construção de caráter, e da luta em prol da entrega de fé, esperança, exemplo de conduta, e amor ao próximo. Ainda há a conscientização sobre álcool e drogas, e a preocupação em observar possíveis problemas sociais que possam receber ajuda e orientação.

A atuação do projeto é em Pomerode, e em cidades carentes do estado de Santa Catarina e do Paraná, porém temos atuado também em cidades com melhor condição social, pois o objetivo é alcançar o maior número de crianças, adolescentes e jovens.

A equipe se constitui de pastores, professores, líderes, jovens com chamado missionário, voluntários, e de membros da diretoria. Atuam com uma equipe chamada Semeadores de Cristo, que possui uma estrutura com tenda, camas elásticas, máquinas de fazer algodão doce, cadeiras, aparelhagem de som, caminhão palco. Todo este material não pertence a Associação SCP, e por esta razão buscamos material próprio, pois os eventos são realizados ou em conjunto com os Semeadores ou com a nossa própria equipe, então há eventos onde conseguimos oferecer uma estrutura que atenda as necessidades.

O circuito das cores, com sua metodologia de uso, sua aplicação, as músicas utilizadas, as apresentações teatrais, entrega de Bíblias e livros de histórias para crianças, foram idealizados pelo projeto SCP KIDS. Este modelo leva as crianças á leitura, a integração social, lazer, à música, ao teatro, à construção de caráter, à conscientização sobre álcool e drogas, ao conhecimento das verdades bíblicas e do plano de salvação.

O trabalho é realizado em finais de semana, com reuniões sábado à tarde, sábado à noite, domingo de manhã e domingo à tarde. Há o trabalho de evangelismo pessoal e convite nas casas da comunidade local. Em quase todos os eventos levamos roupas e calçados. As Bíblias são entregues para as crianças, adolescentes e jovens que ainda não possuem um exemplar da Palavra de Deus, livros com histórias bíblicas por faixa etária. É realizado o circuito das cores, são contadas histórias, cantados músicas com a garotada e com a comunidade. Após a ministração é entregue doces, servido algodão doce, e as crianças participam das brincadeiras e da cama elástica. Também é ministrado uma palavra a toda a comunidade, geralmente nos sábados à tarde e à noite, domingo à tarde, e quando possível nos domingos à noite.



Galeria de fotos: 2 fotos
Créditos: Moira Porto Petrucci/Câmara de Vereadores Moira Porto Petrucci/Câmara de Vereadores
Tags:
Veja também:









Publicidade

  • 
    50b2324f0aa1127b27ce46c6d6dd7ed4.jpg