Jornal de Pomerode

Edição Impressa



Asseup promove segunda chamada para inscrições

Decisão foi motivada pelo fato de alguns estudantes terem dificuldades burocráticas nas universidades e, por isso, não conseguiram se inscrever na primeira oportunidade

09e80dc31bdd02df14cea4cf11f37dbd.jpg Foto: Reprodução

Visando cumprir o papel democrático que possui, a Associação dos Estudantes Universitários de Pomerode (Asseup) está promovendo uma segunda chamada para as inscrições relativas ao segundo semestre de 2018, para aqueles que desejam receber o auxílio transporte.

Segundo a presidente da Associação, Sthefany Luebtke, a decisão foi tomada porque percebeu-se que alguns estudantes não conseguiram se inscrever na primeira oportunidade. “Desde que a Asseup retornou às suas atividades, promovendo o auxílio transporte a partir de maio de 2018, temos passado por um intenso período de adaptações, buscando gerenciar, da melhor forma possível, esse importante benefício a todos. Contudo, infelizmente, as inscrições de 2018/2 implicaram em certas restrições para alguns estudantes que, pelos mais variados motivos, não conseguiram se inscrever naquela oportunidade. Entre alguns podemos citar a espera por uma aprovação de financiamento estudantil, de bolsa de estudos ou, ainda, pelo resultado do vestibular de inverno”, explica.

Por este motivo, um novo período de inscrições foi aberto e iniciou nesta terça-feira, 25 de setembro, seguindo até o dia 01 de outubro. As inscrições precisam ser feitas via formulário online, que pode ser encontrado na página do Facebook da Asseup. É necessário levar consigo cópia de RG e do CPF, cópia de comprovante de residência atualizado, comprovante de matrícula, foto 3x4 recente e carterinha da Asseup, caso tenha se inscrito no primeiro semestre.

Os estudantes inscritos ao benefício em julho de 2018 não necessitam realizar um novo cadastro, já tendo assegurado o benefício até o fim deste semestre. A presente oportunidade se destina somente àqueles que, por algum motivo, perderam a 1ª chamada de inscrições.

Sthefany também ressalta que, pelo fato de haver novos inscritos, haverá mudança na tabela. “Como pode-se imaginar, ao contrário do que havia sido inicialmente anunciado, haverá uma nova tabela de descontos válida para os meses de outubro e novembro, considerando o novo cenário de inscrições. Essa medida se faz necessária, a fim de atender à legalidade, uma vez que os repasses, por serem públicos, são direito de todos. Esse foi um dos pontos levantados em 2013 pelo Ministério Público e que levou à interrupção do benefício na ocasião”, esclareceu a presidente da Associação.

 



Veja também:









Publicidade

  • 
    eb224b55631b8f403d168a912e1f6fb6.jpg4b580c53dad677f2141dea5ad908465d.jpg